#mundial 
Imbituba - Santa Catarina - Brasil

SuperSurf Internacional Prime às 7 horas na quinta-feira

João Carvalho / ASP

Brasileiros são maioria entre os já classificados para a fase dos 24 melhores na etapa do ASP World Prime que está estreando em Imbituba nesta semana

Segundo dia de boas ondas de 3-5 pés na Praia da Vila para o SuperSurf Internacional Prime em Imbituba, litoral sul de Santa Catarina. As condições do mar foram mudando durante o dia, principalmente após a entrada do vento sul no início da tarde, deteriorando a boa formação das ondas. Na quarta-feira, foram realizadas as oito baterias que restavam da primeira fase e as oito primeiras da rodada dos 48 melhores.

Na quinta-feira, a competição começa mais cedo, às 7 horas, para aproveitar o fim do swell gigante que entrou no final de semana. Mas, outro swell grande também deve atingir o litoral sul de Santa Catarina na sexta-feira ou sábado, para fechar o SuperSurf Prime com chave-de-ouro em Imbituba.

Uma das melhores baterias na manhã da quarta-feira foi a quinta do dia, envolvendo quatro brasileiros. O catarinense Neco Padaratz largou na frente detonando uma longa esquerda com várias manobras até o meio da praia. A nota 8,70 foi a maior do dia até ali. O paulista Miguel Pupo também achou duas ótimas ondas para tirar notas 8,00 e 8,57 e vencer o confronto com 16,57 pontos, terceiro maior placar dos dois dias de disputas em Imbituba. Neco passou em segundo, com o também catarinense Marco Polo e o paulista Thiago Camarão sendo eliminados nas suas estreias no campeonato.

"O mar está difícil, mas me posicionei muito bem, aproveitei que a galera me deu a chance de ficar no pico para pegar as ondas e deu tudo certo", disse Miguel Pupo, que ocupa o 31.o lugar no grupo dos 32 que se classificam para a elite do ASP World Tour. "Estou numa posição bem perigosa. Tem três brasileiros na porta de entrada e sou um deles. Lá em Saquarema eu passei uma bateria e perdi na outra, aqui passei uma agora e espero continuar neste ritmo para subir no ranking".

A grande surpresa nas baterias da primeira fase disputadas na quarta-feira foi a derrota do top do ASP Tour, Matt Wilkinson. O australiano foi barrado pelo neozelandês Jay Quinn no confronto que fechou a fase de apresentação dos 96 participantes da etapa do SuperSurf Internacional, que nesta semana está estreando no calendário do ASP World Prime. O alagoano Tânio Barreto, vencedor das triagens na segunda-feira, derrotou os três estrangeiros que enfrentou nesta bateria.

CAMPEÃO BARRADO - A segunda fase foi iniciada em seguida com uma bateria de alto nível, mas de poucas ondas surfadas pelos competidores. O campeão da última etapa do ASP World Tour em Imbituba no ano passado, Jadson André, foi eliminado mesmo tendo a maior nota - 9,00 - do confronto. Tanto ele como Raoni Monteiro, outra estrela da elite na bateria, só surfaram duas ondas.

O carioca, que foi vice-campeão no ASP World Prime de Saquarema encerrado na segunda-feira, começou com nota 8,5 e ganhou a disputa com os 5,77 pontos da sua última onda. A segunda vaga para a fase dos 24 melhores ficou com o paulista Jessé Mendes, que surfou três ondas e somou notas 7,00 e 6,77. O australiano Nic Muscroft foi o último colocado.

"Mesmo achando só duas ondas deu tudo certo, consegui começar bem a bateria e fazer a nota da classificação depois", disse Raoni Monteiro. "Foi mais um passo na busca para garantir minha permanência no ASP Tour. Agora vêm as baterias homem-a-homem que são bem melhores e acho que a organização vai esperar o mar subir de novo para a gente competir em condições boas. Quero continuar avançando na competição para aproveitar essa boa fase para subir no ranking".

Depois que o vento sul entrou gelando a Praia da Vila e prejudicando a boa formação das ondas, a melhor apresentação foi a do havaiano Granger Larsen. Ele chegou no Brasil entre os 32 primeiros colocados no ASP World Ranking e tenta retornar ao grupo que se classifica para a divisão de elite do ASP Tour no SuperSurf Internacional Prime. Larsen começou a bateria com notas na casa dos 6 pontos, mas somou o 7,87 com o 7,40 que recebeu nas duas últimas ondas que surfou na vitória sobre o norte-americano Gabe Kling, o brasileiro Paulo Moura e o australiano Lincoln Taylor.

"Felizmente consegui achar boas ondas para passar bem a bateria", disse Granger Larsen. "Ontem (terça-feira) eu passei no limite minha bateria, mas desta vez parecia que as ondas vinham todas em cima de mim, bem onde eu estava, então só fiz surfar o que eu sei. Em Saquarema perdi logo na minha primeira bateria, acabei saindo do grupo dos top-32, mas quero recuperar minha vaga ainda aqui no Brasil e a última chance é nesse campeonato".

HOMEM A HOMEM - Dezesseis surfistas já estão escalados na rodada dos 24 melhores do SuperSurf Internacional Prime. O Brasil é maioria com sete classificados, contra três australianos, três norte-americanos, dois havaianos e um sul-africano. As baterias desta fase são no formato homem a homem e a primeira foi a única que ficou com dois brasileiros, os cariocas Raoni Monteiro e Yuri Sodré. Dois duelos serão entre Brasil e Austrália, de Bernardo Pigmeu contra Tom Whitaker e Hizunomê Bettero contra Ben Dunn. Dois contra o Havaí, Jessé Mendes x Mason Ho e Ricardo Santos x Granger Larsen.

Ainda tem o paulista Wiggolly Dantas com o norte-americano Gabe Kling na quinta bateria e as outras duas serão disputadas por surfistas estrangeiros. A sétima bateria ficou formada pelo sul-africano Royden Bryson e o americano Austin Ware e a oitava pelo americano Damien Hobgood e o australiano nota 10 e recordista absoluto em Imbituba, Yadin Nicol.

Mais dezesseis atletas ainda vão disputar a fase dos 48 melhores. A primeira bateria da quinta-feira, que começa às 7 horas na Praia da Vila, terá um top do ASP Tour, o americano Patrick Gudauskas, Dylan Graves, de Porto Rico, além dos brasileiros Gabriel Medina e Luel Felipe. Mais sete surfistas do Brasil, três da Nova Zelândia, um da Austrália e um dos Estados Unidos, irão brigar pelas últimas vagas para a rodada dos 24 na manhã da quinta-feira em Imbituba.

Durante os seis dias do SuperSurf Internacional Prime, muitas atrações extras estão programadas para o público em Imbituba. A Festa Oficial do campeonato será no sábado, dia 4 de junho, no Mar Del Rosa, na Praia do Rosa. Já na "Cidade do Surf" na Praia da Vila, terá um show especial da banda Dazaranha no sábado à tarde e uma área especial para as crianças com pista de skate e aulas de esportes de praia, além do desfile das mais belas da praia no concurso Beach Girls.

Galerias | Mais Galerias