#longboard #surf 
Santos - São Paulo - Brasil

Roger Barros e Atalanta Batista vencem o Ecovias

Marcus Cabaleiro

Roger Barros e Atalanta Batista foram os vencedores do 5° Festival de Surf Ecovias, equivalente à quarta etapa do torneio nacional de longboard, realizado durante o último fim de semana em Santos, no litoral sul de São Paulo.

Com a vitória nas ondas do Quebra-Mar, perto da divisa com São Vicente, o atleta do Rio de Janeiro alcançou a quarta posição no ranking de classificação do torneio.

Entre as mulheres, a pernambucana Atalanta Batista venceu a etapa e se manteve na liderança da classificação geral, com 3095 pontos. Em segundo, está Fernanda Daichman, com 2840, seguida de Mainá Thompson, com 2385 pontos.

O Festival de Surf Ecovias faz parte do circuito brasileiro da Associação Brasileira de Longboard , disputado com pranchas de comprimento mínimo de 9 pés - 2,7 metros. Na etapa final, Barros bateu o atual campeão brasileiro, André Luiz "Deka", por 16,93 a 16,66 pontos, na soma das notas dos juízes. André passou a ser o terceiro colocado no ranking.

Após a quarta etapa, a liderança do nacional é de Danilo Mullinha, que caiu nas oitavas de final em Santos, com 8965 pontos. Em segundo, vem Marcelo Freitas, eliminado por Barros em Santos, com 8690. Deka possui 8050 pontos, e Roger Barros tem 7920, fechando o quarteto de líderes.

Outra atração da etapa santista do Festival foi a tentativa de quebra do recorde mundial de maior número de surfistas na mesma onda. Rico de Souza, um dos pioneiros do surf profissional no Brasil, e Picuruta Salazar, dez vezes campeão brasileiro, tentaram obter a marca colocando mais de 110 pessoas surfando juntas no Quebra-Mar, para ultrapassar a marca alcançada por surfistas sul-africanos em 2010. Antigos detentores do recorde, antes dos surfistas da África do Sul, eles falharam dessa vez.

O festival distribuiu R$ 30 mil em prêmios para os profissionais, com R$ 25 mil para os homens o R$ 5 mil para mulheres.

Galerias | Mais Galerias