#session #surf 

Ondas de quase 100 pés registradas no atlantico norte

UPI

Cientistas britânicos informam ter observado algumas das maiores ondas jamais medidas, tão grandes que alguns modelos de computador indicavam que elas sequer deveriam existir. As observações ocorreram no dia 8 de fevereiro, a bordo do Navio de Pesquisa Discovery durante uma expedição científica ao Atlântico Norte, a quase 300 kilometros a oeste da Escócia, quando uma série de ondas gigantescas martelaram o navio.

Os cientistas foram ao mar porque uma tempestade intensa foi prevista e os pesquisadores de Centro Nacional de Oceanografia da Grã-Bretanha, localizado em Southampton, quis observá-la de perto, informou o jornal der Spiegel. Os instrumentos de mediçao dos cientistas mostraram que o pico das ondas era de quase 98 pés de altura e as ondas gigantes sacudiram o navio por quase 12 horas, disse Naomi Holliday, líder da expedição.

A tripulação do Discovery testemunhou ondas de até 95 pés de altura da crista até a base -- as ondas mais altas jamais medidas por um instrumento científico no oceano, de acordo com um artigo que os cientistas publicaram no journal Geophysical Research Letters. Os novos dados podem estar incomodando os construtores navais, disse o der Spiegel, desde que os dados dos cientistas sugerem que as ondas gigantes podem ser muito mais comuns que se pensava antes.

Galerias | Mais Galerias