#6 estrelas #competições 

Mineirinho vence o Billabong Pro J-bay 2012

Surftotal

O paulista atual top 4 do World Tour venceu o francês Joan Duru na final

As quartas-de-final foi para a água hoje cedo em Jeffrey´s Bay, com ondas de um metro de altura no último dia do Billabong Pro J-Bay, WQS 6 estrelas.

Estavam nas semi-finais Adriano de Souza, Ezekiel Lau, Aritz Aranburu e Joan Duru. Na primeira semi-final, Adriano de Souza que era um dos favoritos à vitória no evento esmagou Ezekiel Lau que ficou precisando de combinação para vencer. Mineirinho com um 8.00 e um 7.00 garantiu desde cedo a liderança, enquanto que Lau esteve muito desencontrado e não foi além dos 5.57 de score final. Desta forma Mineirinho garantiu o passaporte para a grande final.

Já na segunda semi-final, Joan Duru (FRA) destacou-se completamente de Aritz Aranburu, começando a bateria com uma nota quase perfeita, um 9.10. De seguida foi construindo a bateria, ainda fez mais um 5.83 e com um score de 14.93 deixou Aritz à procura de um 8.27 para alcançar a final.

Após quatro dias de altas ondas e um nível de surf altíssimo estavam encontrados os finalistas, Adriano de Souza e Joan Duru.

Tal como a estratégia utilizada nas semi-finais, Joan Duru voltou a começar muito forte, com a melhor onda da bateria, um 9.27. No entanto, apesar disso, foi Adriano de Souza que garantiu a liderança com um 7.67 e um 5.67.

Após várias tentativas de Duru, parecia não encontrar ondas com potencial, finalmente faz um 4.33 e agarrou a liderança. Mas Mineirinho não desiste e nos últimos minutos pegou uma onda com enorme potencial e faz um 8.33, a sua melhor onda, garantindo assim um score de 16.00 e a vitória.

Para Joan Duru, apesar de ter a melhor onda, um 9.27 faltou-lhe um backup mais forte que teimou em não aparecer. Mesmo assim sai do evento com um excelente prestação, um 2º lugar, 2640 pontos e 12,500 dólares.

Já Adriano de Souza com esta vitória arrecada 3500 pontos no ranking unificado e 25 mil dólares na carteira. Parabéns Mineiro, orgulho brasileiro!

FINAL DO BILLABONG PRO JEFFREYS BAY:

Campeão: Adriano de Souza (BRA) com 16.00 pontos (8.33+7.67) - US$ 25.000 e 3.500 pontos

Vice-campeão: Joan Duru (FRA) com 13.60 pontos (9.27+4.33) - US$ 12.500 e 2.640 pontos

SEMIFINAIS - 3.o lugar - US$ 6.150 e 2.080 pontos:

1.a: Adriano de Souza (BRA) 15.00 x 5.57 Ezekiel Lau (HAV)

2.a: Joan Duru (FRA) 14.93 x 9.50 Aritz Aranburu (ESP)

QUARTAS DE FINAL - 5.o lugar - US$ 3.000 e 1.560 pontos:

1.a: Adriano de Souza (BRA) 15.26 x 13.60 Mitchel Coleborn (AUS)

2.a: Ezekiel Lau (HAV) 10.34 x 8.50 Vasco Ribeiro (PRT)

3.a: Joan Duru (FRA) 12.76 x 7.67 Patrick Gudauskas (EUA)

4.a: Aritz Aranburu (ESP) 14.67 x 6.33 Dale Staples (AFR)

OITAVAS DE FINAL - 9.o lugar - US$ 2.300 e 920 pontos:

-----------baterias que abriram a sexta-feira:

5.a: Patrick Gudauskas (EUA) 13.50 x 10.50 Lincoln Taylor (AUS)

6.a: Joan Duru (FRA) 15.20 x 11.73 Jordy Smith (AFR)

7.a: Dale Staples (AFR) 14.83 x 14.57 John John Florence (HAV)

8.a: Aritz Aranburu (ESP) 11.50 x 10.90 Maxime Huscenot (FRA)

-----------baterias que fecharam a quinta-feira:

1.a: Adriano de Souza (BRA) 17.20 x 16.90 Nathan Yeomans (EUA)

2.a: Mitchel Coleborn (AUS) 13.83 x 12.77 Sean Holmes (AFR)

3.a: Ezekiel Lau (HAV) 17.43 x 14.16 Heath Joske (AUS)

4.a: Vasco Ribeiro (PRT) 12.67 x 9.50 Sebastien Zietz (HAV)

G-10 DO ASP WORLD RANKING - 22 etapas (4 WCT + 5 Prime + 13 Star):

01: John John Florence (HAV) - 32.845 pontos

02: Adriano de Souza (BRA) - 26.125

03: Mick Fanning (AUS) - 24.863

04: Kelly Slater (EUA) - 24.500

05: Gabriel Medina (BRA) - 23.390

06: Taj Burrow (AUS) - 23.145

07: Josh Kerr (AUS) - 23.036

08: Joel Parkinson (AUS) - 20.870

09: Jordy Smith (AFR) - 20.860

10: C. J. Hobgood (EUA) - 19.480

11: Kai Otton (AUS) - 18.095

12: Adrian Buchan (AUS) - 17.805

13: Owen Wright (AUS) - 16.800

14: Julian Wilson (AUS) - 15.800

15: Jeremy Flores (FRA) - 15.570

16: Glenn Hall (IRL) - 15.480 - 1.o do G-10

17: Miguel Pupo (BRA) - 15.050

18: Kolohe Andino (EUA) - 12.261 - 2.o do G-10

19: Matt Wilkinson (AUS) - 12.202 - 3.o do G-10

20: Heitor Alves (BRA) - 12.080

21: Nat Young (EUA) - 11.890 - 4.o do G-10

22: Damien Hobgood (EUA) - 11.750 - 5.o do G-10

23: Willian Cardoso (BRA) - 11.650 - 6.o do G-10

24: Alejo Muniz (BRA) - 11.500

25: Brett Simpson (EUA) - 11.470

26: Patrick Gudauskas (EUA) - 11.380 - 7.o do G-10

27: Fredrick Patacchia (HAV) - 11.234 - 8.o do G-10

28: Nathan Yeomans (EUA) - 11.024 - 9.o do G-10

29: Tiago Pires (PRT) - 10.790

30: Brian Toth (PRI) - 10.655 - 10.o do G-10

-------------próximos sul-americanos:

35: Alex Ribeiro (BRA) - 8.980 pontos

38: Jean da Silva (BRA) - 8.320

39: Raoni Monteiro (BRA) - 8.150

41: Wiggolly Dantas (BRA) - 7.896

42: Tomas Hermes (BRA) - 7.812

48: Filipe Toledo (BRA) - 6.745

50: Hizunomê Bettero (BRA) - 6.540

59: Ricardo dos Santos (BRA) - 5.771

70: Jessé Mendes (BRA) - 4.790

73: Jadson André (BRA) - 4.260

83: Bernardo Pigmeu (BRA) - 3.680

85: Gabriel Villaran (PER) - 3.586

86: Thiago Camarão (BRA) - 3.580

86: Yuri Sodré (BRA) - 3.580

89: Peterson Crisanto (BRA) - 3.395

99: Flavio Nakagima (BRA) - 3.040

100: Leonardo Neves (BRA) - 3.030

101: Jano Belo (BRA) - 3.020