#viagens 
Peru

Mário Souza - Peru 2013

Mário Souza

O pernambucano Mário Souza foi ao Peru neste mês de julho e presenciou um grande swell que o Surfguru avisou e que foi confirmado. Pico Alto quebrou com até 20 pés e os demais picos de Punta Hermosa proporcionaram altas ondas!

Há muito tempo que desejava fazer uma surf trip ao Peru, depois de muita pesquisa, achei que o momento ideal seria em julho, apesar da baixa temperatura da água, as condições indicadas pelo Surfguru demonstravam que o período que ficaria em Punta Hermosa seria de altas ondas e depois de tentar, sem êxito, fechar a barca com meu irmão e meu primo, decidi ir sozinho.

Chegando em Punta Hermosa, me hospedei na pousada do luisfer e logo me senti em casa, pois a recepção dada por ele, sua esposa e filho foi de primeira qualidade, sem falar que os funcionários da pousada (Julio e Charles) que são pessoas da melhor qualidade.

As previsões indicavam que Pico alto iria quebrar clássico e foi com a maior satisfação que tive a oportunidade de conhecer e fazer amizade com os Big riders Capilé, André e Jorge que juntamente com outros componentes da Ocean Riders tinham chegado na pousada para pegar aquele swell histórico que iria quebrar na famosa praia de Punta Hermosa.

Escutar atentamente os conselhos dado por eles, fez com que tivesse a oportunidade de pegar altas ondas, enquanto pico alto quebrava com 25 pés, fazendo a alegria deles, segui suas instruções e fui pegar meu melhor mar da trip, Herradura quebrando entre 8 e 10 pés clássico, fazendo a minha cabeça e a dos cariocas Luís, Pedro e Victor.

Herradura é um pico dentro de Lima e quando quebra clássico, o crowd fica pesado e agressivo, por isso seguimos o conselho dado por Eduardo e surfamos calados e esperando nossa vez.

No domingo fomos para Punta Rocas, que estava quebrando entre 4 e 6 pés, uma onda forte e que merece todo o respeito e onde, infelizmente, na minha terceira onda quebrei toda a rabeta da prancha e tive que sair da água.

Outro mar muito bom foi Puerto Veijo, uma esquerda que quebrou entre 3 e 5 pés perfeita e com uma extensão impressionante para os nossos padrões, inclusive quando fazia ela toda, era necessário voltar pela praia, por que na remada era desumano.

O Peru tem todo tipo de onda para todo tipo de surfista, La Isla, Punta Rocas, El Silencio, Cabaleiros, Herradura, Puerto Viejo foram alguns dos picos que tive a oportunidade de surfar e garanto que vale muito a pena enfrentar algumas horas de voo para surfar.

Gostaria de agradecer a todos que fizeram parte dessa trip, o João, Julio, Charles, Capilé, André, Jorge, os cariocas, os paranaenses, os catarinenses, Eduardo, Rudi, Luisfer, Luisito, enfim todos que colaboram para que tivesse uma boa oportunidade de pegar altas ondas e fazer novos amigos!

Galerias | Mais Galerias