#tubarões #animais 
Reunião

Kelly Slater Pede Controle de Tubarões na Ilha da Reunião

Redação Surfguru

Surfista, famoso por defender causas ambientais, pediu abate dos animais após a oitava morte em seis anos na região.

A morte do surfista Alexandre Naussance, de 26 anos, no último dia 21 de fevereiro por ataques de tubarão, segue repercutindo no mundo do surf. Kelly Slater causou polêmica ao pedir o abate de tubarões na área da Ilha Reunião, onde Naussance foi atacado. Nos últimos seis anos, foram 20 incidentes com tubarões na Ilha Reunião, oito deles fatais.

- Honestamente, eu não vou ser o mais querido por dizer isso mas é necessário que haja um sério abate diário na Ilha Reunião. Há um claro desequilíbrio acontecendo no oceano lá. Se o mundo inteiro tivesse essa taxa de ataque, ninguém usaria o oceano e literalmente milhões de pessoas estariam morrendo assim. O governo francês precisa descobrir isso o mais cedo possível. 20 ataques desde 2011? – comentou Slater em uma postagem do, também surfista, Jeremy Flores em homenagem a Naussance.

Com 11 títulos mundiais no currículo, Kelly Slater é famoso por ser defensor da natureza e dos oceanos. O comentário não repercutiu bem e Slater fez uma postagem em sua própria rede social para dar explicações.

- Eu não estava uma defendendo uma destruição de nenhuma espécie. Na verdade, há chances de muitas outras espécies de tubarões e outros seres do mar que poderiam prosperar sem a abundância de "tubarões-cabeça-chata" devastando o ambiente local na Ilha Reunião. Não se trata de me divertir e estar sendo egoísta com o meu esporte – explicou Slater.

A Ilha Reunião faz parte do departamento ultramarino francês e fica localizada no oceano Índico. Tradicional ponto de surfe na França, quase todas as praias de ilha estão vetadas para a prática do esporte e duas delas usam redes para proteger os banhistas. Apesar da proibição, muitos surfistas se arriscam nos mares locais.

Fonte: Globo Esporte

Comentários

Galerias | Mais Galerias