#profissional #regional 
Baía Formosa - Rio Grande do Norte - Brasil

Júnior Lagosta dita o ritmo no primeiro dia do Pena Surf Festival

Jocildo Andrade

O Pena Surf Festival que desde sexta-feira armou sua arena na pacata cidade de Baía Formosa conhecida pelas cobiçadas direitas do Pontal, deu lugar nesta segunda-feira, 7, aos melhores atletas profissionais do país

Eles que chegam ao litoral potiguar em busca da prêmio de 30 mil reais, 2 mil pontos no Tour Nordestino e 1000 no Brasil Tour. Além, da coroa de Rei do Nordeste, oferecida aquele que obtiver o melhor resultado nas três etapas do patrocinador, Pena.

No primeiro dia da prova destaque para o integrante do quinteto fantástico de Maracaípe Júnior Lagosta. Surfando de backside Lagosta impressionou os árbitros aplicando três fortes batidas muito bem executadas na parte crítica da onda linkando uma a outra com muita fluidez e segurança, arrancando a melhor nota do dia, um 9.50. O jovem pernambucano também registrou a maior média desta segunda-feira, 17.33.

“Entrei visando aquela onda, esperei um minuto e ela veio, estava confiante e surfei com segurança. Em seguida peguei mais uma boa, dropei e já mandei um aéreo double grab sem precisar nem acelerar a prancha, depois uma rasgada e finalizei na junção, as ondas apareceram para mim no mesmo lugar, depois só administrei a bateria, surfei apenas quatro ondas”, contou Lagosta. “Minha prancha está muito boa, fiz algumas mudanças com Júlio Marques, meu shaper, e agora acertamos, me sinto preparado e com muita vontade de fazer mais uma final e se Deus quiser conquistar minha primeira vitoria no Nordestino Profissional”, concluiu.

Embalado pelo título junior conquistado na final do circuito amador no domingo, o local Ítalo Ferreira deu seu show à parte. Cravou 17 dos 20 pontos possíveis e a segunda melhor nota (9.33) em uma boa direita aonde mandou um sequência de manobras fortes e criteriosas, mostrando que dará bastante trabalho aos profissionais surfando no seu playground, quase que particular.

Avançaram junto com Ítalo e Lagosta para a fase seguinte os cearenses Glauciano Rodrigues e Phelipe Maia, respectivamente.

Outros dois representantes do Ceará, Artur Silva e o campeão Brasileiro (2009) Messias Félix que carrega no bico a logomarca da Pena, fizeram bonito em BF. Artur abriu sua contagem com 7.50 pontos e em seguida alcançou um 5.43 para liderar e ficar nesta posição até o fim. Messias também achou as suas, sendo que as melhores vieram no final da bateria, e na próxima fase enfrenta Ulisses Meira, Adilton Mariano e Betinho Rosa.

Quem também levantou a torcida foi José Júnior, ele usou o conhecimento do pico e surfou muito à vontade, somou 13.23 contra 10.37 de Madson Costa, os dois potiguares continuam firme na competição.

Após as 10 baterias da primeira fase que caíram hoje no mar seguem na prova também os atletas Marinho Lima, Argus Diniz, Gabriel Farias, Thomas Demétrios, Carlos Rodrigues, Gutembergue Silva, Daivison Santos, Tito César, Erbeliel Andrade e Michael Rodrigues.

Nesta terça-feira a primeira chamada para as seis baterias restantes da primeira fase.será às 9:30hs.

O Pena Surf Festival tem transmissão ao vivo através do site www.pena.com.br e conta com o patrocínio do Governo do Estado do Rio Grande no Norte, Prefeitura Municipal de Baía Formosa, Empetur, Seel, Matesa, Filati, Erbele, Starboad, Haco, Blocos Teccel, Pranchas BF. Divulgação: Surf Tv, Surfbyte, Tropical FM, Rádio Mix, Revistas Fluir e Wave Wind, Sites Vida Surf, Waves, Surfbahia, Surfguru e Cearasurf, canais de TV Woohoo e ESPN.

Realização: ABRASP, ANS, FESURF e TOP 16 Promoções.

Galerias | Mais Galerias