#estadual #amador #competições 
Capão da Canoa - Rio Grande do Sul - Brasil

João Paulo Abreu fez a mala em Capão da Canoa

Gabriel de Mello

O domingo do Banrisul Pro Tour de Surf Amador, realizado neste final de semana (06 e 07/02) em Capão da Canoa, foi marcado pelo calor escaldante e muito surf de qualidade.

Com boas ondas a segunda etapa do Gaúcho de Surf Amador reuniu alguns dos melhores surfistas, em oito categorias, buscando as passagens aéreas para o Peru e pranchas Tallow`s oferecidas como premiação, além dos pontos no ranking do certame.

O grande campeão da categoria Open foi o atleta João Paulo Abreu, natural de Imbituba, conseguiu somar 12,75 pontos em suas duas melhores ondas. O catarinense foi seguido de perto por Iuri Silva (10,90), Amilton Alves (9,80) e Rodrigo Freitas (5,45).

João Paulo de Abreu foi o grande destaque da competição ao subir no topo do pódio em três categorias (Open, Sub-18 e Sub-16). Com estas vitórias o surfistas levou na mala duas passagens aéreas para o Peru e uma prancha Tallow`s novinha. Além das conquistas, João mostrou um surf de muita qualidade em cada uma de suas baterias desde o sábado.

“Consegui uma carona na última hora para vir. Cheguei aqui e fui passando as baterias e pegando mais confiança, até que ontem a noite quando fui dormir tive a certeza que conseguiria bons resultados no domingo. Estou muito feliz por competir no Rio Grando do Sul e ainda atingir três primeiros lugares. Quero vir em outras etapas. Agora quero comemorar muito”, finalizou João Paulo Abreu.

Na final da categoria Sub-12 o melhor surfista foi Gabriel Machado, que somou 8,25 pontos em suas duas melhores ondas. O segundo colocado foi o atleta Luy Arman (7,00), seguido por Emanuel Tessmann (3,05) e Pedro Chaar.

O melhor surfista da Sub-14 foi Carlos Reynaund com 10,25 pontos, seguido por Maui Machado (6,85), Willian de Souza (6,65) e Guilherme Pereira (6,25).

As primeiras meninas a cair no mar foram as da categoria Sub-14 Femino, que teve Mariana de Bortoli em primeiro lugar com 7,25 pontos, seguida por Vitória Zapelini (3,40), Duda Pletsch (2,50) e Luana Oliveira (2,10).

Entre as damas, da Feminino Open, Aloha Maciel sagrou-se campeã com 7,40 pontos. A segunda colocação ficou nas mãos de Aline Vergara (6,45), seguida por Mariana de Bortoli (3,80) e Louize de Oliveira (2,90).

O melhor Sub-16 desta etapa foi João Paulo Abreu (16,25), seguido por João Santos (6,50), Luy Arman (6,30) e Maui Machado (4,90). João Paulo de Abreu ainda levou uma passagem aérea para o Peru por garantir o primeiro lugar da categoria Sub-18 ao somar 13,75 pontos, seguido por Bruno Carneiro (10,85), Luiz Escopelli (5,83) e Vinicius Carneiro (2,95).

Outro momento todo especial foi a realização do i9 Hidrotônico Air Show, que premiou Bruno Carneiro com um super kit de i9 Hidrotônico por ter desenvolvido a melhor e mais inovadora manobra de aéreo. Os vencedores desta categoria são surfistas que estão acostumados a voar alto com suas pranchas em manobras radicais, mostrando muita leveza em cada ato dentro do mar.

O melhor da categoria Six Surf foi Luiz Escopelli, seguido por Matias Fernandes, Felipe Vielitz e Eduardo Santos. Nesta categoria competem apenas atletas que nunca foram ranqueados e também nasceram no Rio Grande do Sul.

O público na beira da praia de Capão da Canoa pode aproveitar uma estrutura de luxo montada para receber o circuito Estadual de Surf Amador. O Espaço Lounge Party montado pela Coco-Cola agitou a todos, que aproveitaram muito deste espaço que já está consagrado como o melhor da beira de praia.

Após a premiação a banda Surfistas da Paz animou o público com o melhor do seu pop rock. Com três anos de estrada, a banda formada pela família Borba, tem a seguinte formação: o pai João Borba, o Brother, na guitarra e vocal, a mãe Lidiane na percussão, a filha de 13 anos Carol no baixo, além do caçula Arthur na bateria. Segundo Brother a participação nesta etapa é uma porta que se abre para mostrarem o seu trabalho, que como inspiração o surf. “É importante que a Federação continue moralizando o Surf no estado, promovendo cada vez mais estes eventos de qualidade, mostrando na prática a mudança no surf gaúcho“, declarou.

Quem tiver interesse em conhecer mais o trabalho da banda Surfista da Paz, que conta com o patrocínio da Free Surf, acesse www.surfistasdapaz.blogspot.com.

O Banrisul Pro Tour de Surf Amador aconteceu com a apresentação da Fundergs, contou com o patrocínio do Banrisul, i9 Hidrotônico, Governo do Estado do Rio Grande do Sul. O apoio ficou por conta da Prefeitura Municipal de Capão da Canoa, Planeta Surf, Tallow`s, ULBRA Torres, Häagen Dazs, Nature Valley, Associação dos Surfistas de Capão da Canoa (ASCC) e das revistas Sul Sports e Solto Colegial. A realização é da Espírito Radical com a supervisão da Federação Gaúcha de Surf.

Galerias | Mais Galerias