#session #surf 
Estados Unidos

Jamie Sterling protagoniza sessão histórica em lago nos EUA.

Mariano Kornitz

Às vésperas de ser coroado campeão mundial no BWWT, big rider havaiano comanda expedição nas ondas do lago Superior, em Minnesota

Enquanto a maioria das pessoas se protegia do frio entre quatro paredes, o havaiano Jamie Sterling encarou as fortes tempestades de inverno no estado norte-americano de Minnesota para desbravar as ondas do lago Superior.

Conhecido por sua coragem para encarar as maiores ondas do planeta, o big rider profissional da equipe de atletas Red Bull embarcou para Minneapolis, nos EUA, com o objetivo de encontrar boas ondas na região dos lagos, conhecida como Great Lakes.

Castigada por uma severa tempestade de inverno com ventos que passavam de 35 nós, a Beaver Bay, localizada no município de Duluth, foi o lugar ideal escolhido por Jamie Sterling e toda equipe de aventureiros para desbravar as ondas do lago Superior.

“Realmente subestimei o lago antes da sessão. Como as ondas não passavam de 1,5 metros pensei que fosse tranqüilo, que iria entrar e me dar bem. Mas as coisas mudaram rapidamente. A água gelada e os fortes ventos me atrapalharam muito. Não conseguia me concentrar e de tão gelado o vento queimava meus olhos”, conta o big rider havaiano.

Entre fortes ventos e temperaturas congelantes, Jamie Sterling protagonizou uma sessão histórica e foi capaz de surfar ondas muito boas, apesar de estar de fato, em um lago de água doce.

“As ondas que pegamos superaram minhas expectativas. O fato de estar em um lago, longe do oceano e pegar algumas ondas com o dobro do meu tamanho foi muito divertido. Apesar de quase ter congelado, gostei muito de vir para cá”, finaliza o havaiano.

Galerias | Mais Galerias