#viagens 
Indonésia

Indonésia com tempero balinês

Gabriel Sodré

Estou curtindo minha primeira temporada na indonesia, e para começar a trip não podia deixar de vir para bali.

Aqui o paraíso se encontra com o caos. uma cidade linda, com visuais de deixar qualquer um de boca aberta se mistura a uma super metropole capaz de te enlouquecer.

Ao chegar aqui, fui recebido pelo Kronig (meu shaper) e pelo seu casal de amigos Renato e Daniela, a primeira coisa que me impressionou quando cheguei foi o transito, um milhão de carros e 10 milhões de motos disputam cada metro de rua. para se chegar do aeroporto ao bukit, são uns 12 km e demora pelo menos uma hora de carro.

A quantidade de sujeira que se ve pelas ruas dão um forte contraste aos visuais paradisiacos, um forte calor da mais uma apimentada na sua chegada após 2 dias no avião gelado.

O povo balines tem uma cultura muito rica e religiosa, aqui todos te recebem com um enorme sorriso no rosto. com uma culinaria bem tipica, tem comida para todos os gostos, desde altos peixes e frutos do mar, até de pratos que parecem aquele miojo caprichado que você faz quando acampa.

Agora vamos as ondas, até agora rolou apenas um bom swell, surfamos boas ondas em uluwatu apesar do crowd infernal, teve um dia que chegamos a contar mais de 150 pessoas na agua. aqui tem umas marolas todo dia se tiver na disposição de ir atraz delas. quando o swell baixou pegamos altas ondas em keramas e boas marolas em nusa dua, um dos poucos picos que se surfa sem crowd por aqui.

Agora tem uma previsão de um mega swell para a proxima semana e eu to partindo para nias, onde esta historia continuará a ser contada....

Quero agradecer muito a todos que me ajudaram a tornar este sonho realidade e que torcem pelo meu sucesso, principalmente a minha mãe, ao fotografo Ketut Barong que nos cedeu estas imagens e aos meus apoiadores Local shorts, shaper kronig e first glass.

Vamos continuar acompanhando o Gabriel Sodré pelas ilhas da Indonésia.

Galerias | Mais Galerias