#surf #atletas #cbsurf 

Fortes emoções nas finais do CBSurf Master Tour 2024 em Sergipe

Histórias de resiliência e superação emocionam na fala dos campeões do CBSurf Master Tour 2024 apresentado pela Jisk, na segunda etapa do circuito dos ídolos do surfe brasileiro que teve neste domingo, 26/05, o dia das grandes finais.

Itaporanga D’Ajuda recebeu desde quinta-feira, 23/05, os melhores surfistas brasileiros acima de 35 anos para a etapa de Sergipe do circuito que terá sua próxima parada na praia da Macumba no Rio de Janeiro que baterá um novo recorde em valor de premiação já pago para eventos Masters. O circuito brasileiro é o único no mundo a premiar em dinheiro seus atletas. Na Caueira foi distribuído 70 mil reais, 15 mil para cada uma das cinco categorias, valor que será aumentado para 100 mil na próxima etapa.

Histórias de resiliência e superação emocionam na fala dos campeões do CBSurf Master Tour 2024 apresentado pela Jisk, na segunda etapa do circuito dos ídolos do surfe brasileiro que teve nesse domingo, 26/05, o dia das grandes finais. O litoral sul sergipano entregou para os competidores do CBSurf mater Tour da Caueira as melhores ondas de toda a competição. A conexão entre o outside e inside já não foi tão difícil e rampas de decolagens para os atletas da categoria Master apareceram.

O cearense campeão da categoria para maiores de 35 anos, Glauciano Ramos aproveitou bem a possibilidade de radicalizar e agradecendo a Deus e ao seu patrocinador principal que apoiou junto com o Governo de Sergipe e a prefeitura, essa segunda etapa, a Jisk, se mostrou muito realizado ao subir ao pódio: “Foi uma bateria acirrada. Itim, Diego e Davi têm muito potencial e poderiam ganhar, mas eu consegui a vitória. Isso vai me deixar tranquilo. Veio em boa hora, quando eu estava preparado para ela. Dedico essa vitória a minha família, sabemos o que a gente tem vivido. Os dias mais felizes nos preparam para os dias ruim, e assim somos transformados. O surfe alivia, mas só Jesus salva, cara! Estou muito grato, agradeço a todos meus apoiadores incluindo os que não tem o adesivo na minha prancha. Essa Vitória é nossa. Divido ela com meus irmãos em Cristo”, Agradeceu Graciano.

Emoção forte viveu o baiano Wallace Sampaio campeão da Grand Master como ele mesmo revelou chorando, muito emocionado, na entrevista que concedeu a Ricardo Tatuí após a conquista: “É muito gratificante, mas eu estava muito abalado nesse. Fazem duas noites que não durmo porque meu filho, que tem esquizofrenia, o Wallace lance Júnior que muita gente aqui conhece. Se perdeu e não conseguiu votar pra casa. Estava a dois dias desaparecidos. Eu pensei em voltar pra casa, só que minha esposa não deixou, dedico essa vitória a ela.  Hoje depois de correr a semifinal recebi uma ligação dela dizendo: - Seu filho voltou, agora chegou a sua vez!’. Graças a Deus hoje ele foi encontrado de manhã. Está em casa, sendo medicado pela minha esposa”. Comemorou Wallace.

Na Legends o carioca Sérgio Noronha venceu a categoria dos mais experiente, acima de de 55 anos, prometeu ser um anfitrião feroz ao receber seus amigos e rivais em seu Estado não dando mole e indo pra cima em busca da liderança da categoria em busca do título da vaga para a seleção brasileira que vai representar o Brasil no mundial da modalidade em El Salvador, no outubro próximo, organizado pela International Surfing Assossiation - ISA.

Entre o Grang Kahunas o cearense Rogério Dantas venceu e se distanciou ainda mais no ranking. Ele já era o líder após a primeira etapa em Navegantes, Santa Catarina, e com essa vitória coloca 2 mil pontos em sua conta. Ele também foi finalista na Kahuna ficando com a vice-collocação mostrando que está em ótima forma e é candidato ao título nas duas categorias. A kahuna foi vencida pelo baiano Jerônimo Bonfim. “Para essa Vitória foi muita, muita luta. Meus amigos fizeram uma vaquinha para eu estar aqui. Foram acontecendo as coisas, fui melhorando a cada bateria. Parabéns a CBSurf pela organização do eventa, parabéns a Sergipe e a Caueira. Altas ondas. Estou muito feliz. Muito obrigado, pessoal, a todos também!”. Agradeceu Jerônimo.

O CBSurf Master Tour 2024 na praia da Caueira ofereceu 5 mil reais aos campeões, 4 mil aos vice-campeões. 3 mil aos terceiros colocados e 2 mil aos quartos para as cindo categorias em disputa: Legends, Grand Kahuna, Kahuna, Grand Master e Master. Todo evento foi transmitido ao vivo pela internet no canal CBSurfPLAY e no site cbsurf.org.br