#viagens 
Indonésia

Expedição Cearenses na Indonésia parte I

Mardônio Filho

Para essa expedição, trouxemos o surfista profisssional Argus Diniz, atleta patrocinado pela empresa Aggy e os free surfers Johann Kitson e Wilson Jr.

Chegamos na Ilha de Bali no dia 25 de setembro e ficamos hospedados no Hotel Gunna Mandala Inn, que fica localizado bem em frente a ponte de Padang-Padang.

Passamos o dia na região de Padang-Padang, nos preparativos para a nossa viagem a G-Land. Fomos via terrestre em uma viagem de 08 longas horas, com direito a travessia no ferry boat da Ilha de Bali para a Ilha de Java. Ao amanhecer já estávamos no meio da selva javanesa, na Reserva Nacional de Plengkung, onde em alguns minutos, já podíamos avistar as poderosas esquerdas de G-LAND. Ficamos hospedados no G-lAND SURF CAMP, onde fomos super bem recepcionados pelo proprietário RAYMOND, nosso parceiro de projeto.

Finalmente, o vento e a direção do swell entraram em harmonia e quando isso acontece, G-Land quebra ondas clássicas. O Speed começou a rodar e o que presenciamos foi um verdadeiro show de surf. o Argus, lá para as tantas, dropou uma bomba e ao sair da onda foi pego pela série que partiu seu leash(cordinha), onde, bem preperado fisicamente, foi nadando ate o boat. Mas infelizmente, sua prancha não foi mais encontrada e após o surf ele fez questão de ofertá-la aos deuses balineses. Johann Kitson pegou vários tubos de grab-rail. Estava sempre bem posicionado na sessão mais oca do Speedies. Ao sair do mar, Kitson falou que estava apaixonado pela onda e pelo lugar. Vi boas ondas também do Jr. Pacheco, do Maikel e de outros brasileiros também.

Como já era previsto, dia 09/10 o mar ficou bem grande e o vento continuou favorecendo a formação tubular das ondas de G-LAND. O forte vento terral soprou durante todo o dia e as ondas chegavam facilmente aos 8 pes. Bob Sy ,nosso fotógrafo, nos falou que fazia pelo menos um mês que ele não presenciava um mar tão bonito quanto esse.

Argus me pediu uma prancha emprestada e em sua segunda onda a partiu ao meio.

Kitson pegou vários tubos e em uma atitude meio que insana, dropou uma ‘craca’ rabeando um gringo sem nem olhar pra trás. Ainda bem que o gringo não falou nada.

Eu sou suspeito pra falar do meu surf mas, sei que me diverti muito também.

Dia 10/10, nosso último dia em G-land nessa temporada e a tal da ‘girlênia’, como a chamávamos, não negou fogo. O swell se manteve constante e as ondas permaneciam com cerca de 8 pés. Foi realmente um dia memorável. Todos de nossa barca nos sentimos orgulhosos pois surfamos ondas clássicas nesse verdadeiro templo do surf . Vi o Argus em suas melhores ondas no quesito high performance, pois, dropava no zero, sem chão e já saia manobrando como se fossem ondas pequenas. Em um determinado momento ele dropou uma da série, bem no pico e todos que viram comentaram sua atitude nessa onda. Nessa session peguei meus melhores tubos até então nessa trip.

Confira Argus Diniz em destaque no maior site de surf Bali Waves no link ao lado.

Links Relacionados:

Bali Waves

Galerias | Mais Galerias