Ipojuca - Pernambuco - Brasil

Classe dos pranchões abriu Marands Brasileiro de Surf Master e Longboard

Redação Surfguru

Maracaípe foi exclusiva para o longboard profissional e definiu semifinais Rio versus São Paulo com tempero baiano.

PREVISÃO MARACAIPE

O primeiro dia do Marands Brasileiro de Surf Master e Longboard muitas emoções nas ondas pernambucanas da Praia de Maracaípe, Ipojuca, com a categoria profissional e um show dos maiores nomes dos pranchões do longboard nacional, mas com supremacia na sexta-feira de atletas dos estados do Rio de Janeiro e São Paulo que garantiram se confrontar em semifinais neste sábado.

A fluminense Saquarema será representada por Rodrigo Sphayer contra paulista o paulista Leco Salazar, que veio de Santos onde nasceu e integra à segunda geração campeã dos irmãos Salazar, sendo ele filho do ícone do surf e seu xará Alexandre Salazar, o `Picuruta´.

“Estou super feliz já venho aqui para Maracaípe competir com meu pai nos eventos de Geraldinho (Cavalcanti) desde moleque com meu pai, aqui é um ótimo lugar, estou em casa, o clima é ótimo eu conheço, estamos indo né `bróder´ ?” exultou o santista Leco antes de finalizar: “ Deus mandou a onda boa ali pra mim, eu não imaginava essa virada, vamos representando a família Salazar, meu pai não veio mas eu tô aí”.

Já Rodrigo Sphayer na sua bateria das quartas de final não conseguiu repetir sua nota nove recorde nem imbatíveis 17,50 pontos de média da fase dois mas, com duas notas na casa dos sete pontos, garantiu vaga no primeiro dos confrontos que em Pernambuco envolverá cariocas e paulistas, “Estava esperando no pico onde vem as ondas, esperando a melhor para fazer o serviço bem feito e fazer uma boa exibição para esse público que nos dar a maior moral no evento” disse o atleta da região dos lagos fluminense enquanto assistia baterias dos colegas antes de garantir seu terceiro avanço no Marands Brasileiro de Surf Master e Longboard.

Na segunda semifinal do Longboard profissional um segundo saquaremense, Jeferson Silva, encara o paulista por adoção e morador da paulista São Sebastião, Carlos Bahia, baiano de que chegou com a mulher e a filha Ayla, que levam seu sobrenome oficial: Oliveira, pelo qual ninguém o chama nem na sebastianense praia de Maresias, onde a família mora, nem na ipojucana Maracaípe, onde ele ao lado da família, já comemora. A fase quartas de final do dia só de profissionais foi com duelos no quais Sergipe sofreu as baixas de Toninho Costa e Robson Fraga, enquanto São Paulo perdeu Augusto Olinto no confronto de nova geração `Guto versus Leco´ e a seguir o Bahia levar a melhor de virada em cima de Wanderson Biludo.

No surfe de veteranos a primeira disputa prevista para início às oito horas o sábado é Master para os acima de trinta e cinco anos, um deles Danilo Costa, potiguar de Natal ex-integrante da elite mundial, chancela que também exibe o baiano Jojó de Olivença, escalado na Kahuna e na Grand Master, categorias que venceu na abertura de 2015 com Marands Brasileiro de Surf Master em outro paraíso de Pernambuco: Fernando de Noronha.

Listas e medalhistas

Muitos são os inscritos no longboard profissional e amador ou nas quatro divisões do surfe de veteranos, mas há quem apareça também em outra lista: a de homenageados na noite de sábado, a exemplo do cearense Raimundo Bernardo, o `Pena´, que se soma a outros amigos como Cláudio Marroquim, de Pernambuco, ao potiguar Ronaldo Barreto, a Saulo Moraes, de Sergipe, ao alagoano Carlos Pereira, para receberem medalhão em clima de festa, afinal além do surfe e das merecidas homenagens, acontece um “lual” no Parador 081 que recebe as bandas “Amaré” e “Sebastião e os Maias”, os DJs Romero B e DJ Miguela, animando ainda mais o fim de tarde e a noite em Maracaípe, paraíso com surfe no litoral sul em Ipojuca, o evento tem ingressos limitados a venda no local, no Bar do Marcão e no Ticket Folia do Shopping Recife.

“Marands Brasileiro de Surf Master e Longboard”, tem patrocínio da Sejuve (Secretaria de Esportes e Juventude) da Prefeitura do Ipojuca e Marands Surf Wear, sendo realização da CBS (Confederação Brasileira de Surf) com Federação Pernambucana de Surf, apoio das pranchas Real Magia e Sargaço Surfboards, Blocos Teccel, Bar do Marcão, Bar da Monica, Pousada Parador 081 e Sunset Temakeria, a transmissão a partir das oito horas será no link www.surfcore.com.br/marands/ e baterias das categorias a estrear disponíveis as vinte e uma horas desta sexta-feira no mesmo.

Por Chico Padilha

Galerias | Mais Galerias