#session #surf 

Chip será usado para proteger pranchas contra furtos

Andrew Smith

O Surfboard Tracker é um grande produto que é basicamente um chip que é posto na prancha diretamente na espuma ou na longarina e deixa a prancha identificável por um scanner, a prancha pode agora ser assegurada contra roubo.

A indústria tem uma responsabilidade de ajudar a deter ladrões e oportunistas. "O roubo de pranchas no Havaí é tanto que lojas agora recusam a vender ou fazer game com pranchas de segunda mão." - Bing Surfboards.

Andrew Smith da SBT: SurfBoard Tracker, que traduzindo significa "perseguidor de prancha", desenvolveu um sistema que basicamente instala um microchip numa nova prancha de surf ou bloco, você então registra sua prancha em um banco de dados que está completamente acessível pela polícia e seguradores. identificando sua prova de posse da prancha.

Os chips não podem ser encontrados sem um identificador de prancha fornecido pela SBT. A prancha então recebe um logotipo da SBT

destacando que a prancha foi eletronicamente marcada.

O fabricante já entrou em sociedade com a BSA e já tem muitos grandes fabricantes de pranchas do Reino Unido e no mundo, fábricas de blocos e lojas interessados, e uma rede de representantes vem se formando para o lançamento no fim de junho, o que quer dizer que se sua prancha for surrupiada e alguem tentar vendê-la em lojas de pranchas usadas que tenham um scanner poderá ser preso.

A idéia é fechar o mercado para pranchas roubadas - também quer dizer que se você comprar uma prancha chipada de qualquer outra fonte como e-bay, ou oferecida por um estranho numa praia em algum lugar, você vai querer pensar duas vezes. Os surfistas com pranchas usadas não precisam se desesperar, visite um representante de scanner de pranchas de surf e voce pode ter um chip inserido profissionalmente nela. o Scanner SBT só estará disponivel em lojas de pranchas.

Adam Greenman das pranchas de surf Trim, que é importador de pranchas já encomendou com seus fabricantes na Califórnia para que suas pranchas já venham chipadas, poque vê o valor em tal sistema.

Adam diz.. "Faz sentido ter uma única base de dados registrada, ao invés de um vasto número de bases de dados. Somente em manter ela única para todas as indústrias, então se tornará um padrão reconhecido de procedimento para todas pranchas fabricadas."

Links Relacionados:

surfboard tracker

Galerias | Mais Galerias