#brasileiro #profissional 
Balneário Camboriú - Santa Catarina - Brasil

Campeã São Paulo, e vice Santa Catarina, levam em Camboriú

Chico Padlha

Adriano Trinca Ferro garante empate de Santa Catarina frente à São Paulo São Paulo sai invicto de 2010, mas Santa Catarina a vice na temporada, também vence etapa final CBS.

Foram duplos empates, envolvendo quatro seleções, São Paulo e Santa Catarina, campeões, Espírito Santo e Rio de Janeiro, em terceiro, na quarta e última etapa do Billabong Brasileiro, circuito da Confederação Brasileira de Surf (CBS) encerrado neste sábado na Praia Central, em Balneário Camboriú, Santa Catarina, onde São Paulo teve como força maior Deivid Silva, campeão mirim da temporada de máximos, após descarte, 3000 pontos entre todos competidores, e na etapa melhor nela e vice júnior, mesmas colocações suas no ranking final com ele firme na disputa de vagas ao ISA World Júnior 2011, o qual possui as categorias Mirim e Júnior, de respectivos limites em dezesseis e dezoito anos.

Deivid, na Mirim teve como vice um dos destaques cariocas, Matheus Faria, enquanto na Júnior o melhor da etapa, com Deivid vice, foi o agora profissional Filipe Braz, campeão pelo Rio de Janeiro.

Deivid Silva definiu a invencibilidade de São Paulo, o que não evitou o empate na ponta da prova com Santa Catarina, iguais 130 pontos alcançados de forma emocionante pelos anfitriões apenas na última bateria, a Open masculina, na qual um experiente surfista de Balneário Camboriú, Adriano Trinca Ferro, titular da vaga nesta categoria, garantiu vitória dupla, para si e o estado, na que foi a última final do nacional Billabong CBS este ano.

Melhores do Billabong, campeões da CBS

Na Open masculina, o campeão da temporada foi Gutembergue Silva, do Ceará, que mesmo eliminado na fase dois foi coroado já na sexta-feira, quando as ondas da Praia Central ainda não haviam melhorado como no dia final.

A Open Feminina, foi de título 2011 para a também cearense Estefany Freitas, ficando a etapa com Bárbara Segatto, do Espírito Santo, que no segundo dia se antecipara a melhor Júnior Feminina do Brasil, no entanto tendo sua faixa carimbada em Camboriú pela paulista Kaena Brandi, que sendo competidora “Alternate” não pontuava por seu estado, o que não a impediu de evitar a capixaba Bárbara chegar aos 3000 pontos.

Quem também no Balneário Camboriú foi vice na etapa e teve faixa de campeão brasileiro carimbada foi o Iniciante Elivelton Santos, da Paraíba, que fez uma verdadeira maratona de finais, três, se saindo melhor justamente na do título Sub-14 que Igor Moraes, alternate paulista, carimbou de virada.

Quem não correu risco de ter faixa carimbada no Billabong Brasileiro foi o campeão Júnior Filipe Toledo, que usou o descarte para assistir ao evento ao lado do pai Ricardo Toledo. que o acompanhou recentemente em competição Mirim na França, onde o paulista Filipinho se destacou com vice título no “King of. Gromm”, sua última prova entre os de até dezesseis anos.

Peru para Jogos

Já dia 18, indo disputar aos Jogos Mundiais de Surf, o ISA Billabong World Surfing Games, no Peru, viajam ele, dois outros campeões do Billabong CBS, Gutembergue Silva e Estefani Freitas, Silvana Lima, surfista da elite mundial e também cearense, Peterson Crisanto, do Paraná, Alan Johnes, do Rio Grande do Norte, além da dupla Rodrigo Sphaier, do Rio de Janeiro, e Jefson Silva, de São Paulo, convidados a serem os representantes tupiniquins nos pranchões do ISA Games em Lima, capital peruana.

Será também o Peru, já em abril do próximo ano, o próximo anfitrião da versão “teen” dos Jogos Mundiais, o ISA World Júnior Championship, o Mundial Júnior da International Surfing Association (ISA), no qual quartetos na Mirim, e na Júnior, Masculina e Feminina, farão disputa internacional em que o Brasil levará pelo menos metade dos competidores com base em resultado do ranking atual combinado ao parcial do próximo Billabong Brasileiro, cuja abertura já está confirmada pela CBS para, em março, começar no Ceará.

Sem empates

O início da segunda década do milênio será o segundo ano da CBS tendo o seu circuito com a chancela principal da Billabong.

São Paulo então defenderá seu novo título de seleções 2011, conquistado deixando em segundo a última anfitriã, Santa Catarina, em terceiro à Paraíba, que vinha de etapa em casa, e sendo quarto, o Rio de Janeiro, que ano que vem encerrará a temporada da CBS que o Ceará abre e cuja primeira seqüência será no Paraná, voltando a seguir ao Nordeste, em estado a definir.

O presidente da CBS, Adalvo Argolo, renovou sua confiança no o sucesso crescente da nova temporada, “ Preparamos atletas para os selecionados que representarão ao Brasil em torneios mundiais, depois de serem lapidados e aquilatarem seu surf desde categorias de base no maior circuito de seleções do planeta, o Billabong Brasileiro de Surf CBS“ , afirmou ele para depois concluir “ Com esse evento realmente Brasileiro, nossos atletas se tornam mais preparados e confiantes”.

 

 

 

 

 

Resultados 4A etapa CBS - Camboriú SC

Feminino Junior

1 Kaena Brandi (Alternate) 14,27 pts

2 Bárbara Segatto (ES) 11,93

3 Jéssica Bianca (PR) 8,30

4 Juliana Meneghel (Alt) 5,90

Mirim

1 Deivid Silva (SP) 14,57 pts

2 Matheus Faria (RJ) 12,63

3 Elivelton Santos (PB) 11,23

4 José Francisco (Alt) 10,87

 

Feminino Open

1 Bárbara Segatto (ES) 11,60 pts

2 Natali Paola (Alt) 8,66

3 Nayara Silva (CE) 7,10

4 Juliana Meneghel (SP) 5,50

 

Junior

1 Filipe Braz (RJ) 14,10 pts

2 Deivid Silva (SP) 12,64

3 Elivelton Santos (Alt) 12,17

4 Matheus Navarro(SC) 10,30

Iniciante

1 Igor Moraes (Alt) 11,23 pts

2 Elivelton Santos (PB) 11,00

3 Alcides Lopes Neto (SC) 9,80

4 Luan Wood (Alt) 6,70

Open

1 Adriano Trinca Ferro (SC) 12,50 pts

2 Cauê Wood (Alt) 11,87 pts

3 Levy Oliveira (Alt) 10,94 pts

2- Thiago Braga (Alt) 9,80 pts

Estados

1 São Paulo 130 pts

1 Santa Catarina 130

3 Espírito Santo 118

3 Rio de Janeiro 118

 

Temporada 2010 ranking final

Feminino Junior

1 Bárbara Segatto (ES) 2900 pontos

2 Natali Paola (SP) 2529

3 Juliana Meneghel (SP) 2439

4 Jéssica Bianca (PR) 2276

Mirim

1 Deivid Silva (SP) 3000 pts

2 Filipe Toledo(SP) 2276

3 Matheus Faria (RJ) 2212

4 Michael Rodrigues (CE) 2195

Feminino Open

1 Estefany Freitas (CE) 2810 pts

2 Bárbara Segatto (ES) 2556

3 Natali Paola (Alt) 2358

4 Juliana Meneghel (SP) 2159

 

Junior

1 Filipe Toledo (SP) 2729 pts

2 Deivid Silva (SP) 2366

3 Matheus Navarro(SC) 2538

4 Filipe Braz (RJ) 2043

 

Iniciante

1 Elivelton Santos (PB) 2900 pts

2 Victor Bernardo (SP) 2610

3 Lucas Silveira (RJ) 2187

4 Alcides Lopes Neto (SC) 2122

 

Open

1 Gutembergue Silva (CE) 2287 pts

2 Glauciano Rodrigues (CE) 2160

3 Filipe Braz (RJ) 1853

4 Cauê Wood (SC) 1838

Estados *

1 São Paulo 4000 pts

2 Santa Catarina 3146

3 Paraíba 2956

4 Rio de Janeiro 2866

* Não há descarte de pontuação para cada seleção

 

Galerias | Mais Galerias