#mundial 

Brasileiros se destacam em ondas grandes no Mr Price Pro Ballito

ASP International

Ondas com mais de três metros em Surfers Beach, fez com que os surfistas pegassem suas pranchas de ondas grandes no terceido dia do ASP Prime Mr Price Pro Ballito.

Enquanto as ondas aumentavam eram os brasileiros que se destacavam, com oito dos dez concorrentes avançando pelo Round 48.

o Campeão do ASP World Junior , Pablo Paulino (BRA) levou adiante a América do Sul, com a maior pontuação do dia com um 16,86 (de 20.00), para avançar em primeiro lugar à frente de Nic Muscroft (AUS).

Pablo Paulino tambémteve a maior pontuação do dia em uma única onda, com uma pontuação de 8.93 ( de 10).

O mestre dos aéreos e o 17º no Ranking Mundial, Gabriel Medina (BRA) ganhou sua segunda vitória na competição, com uma pontuação de 16,00 que deixou seus adversário em uma situação quase impossível (precisando de duas pontuações para vencê-lo).

Escolhendo as séries de maiores ondas, o free surf de Medina foi arriscado mas bem recebido pelos juízes e pela multidão.

Junior Faria (BRA) assumiu a terceira vitória do dia para o Brasil, e surfando apenas três ondas. Brandon Jackson (ZAF) terminou em segundo lugar, a dupla eliminou os destaques da competição, Kolohe Andino (EUA) e Hodei Collazo (EUK).

Wiggolly Dantas, Jesse Mendes, Jano Belo e Messias Félix se juntaram a seus parceiros na próxima rodada.

Kieren Perrow (AUS) abriu a conta com uma onda em que recebeu um 8.38, se colocando em primeiro lugar na frente de Jesse Mendes (BRA),Granger Larsen (HAW) e Royden Bryson (ZAF).

Julian Wilson (AUS) adotou uma estratégia no Round 48 postando uma pontuação no placar cedo. Comprometendo-se a cada manobra, Wilson avançou em primeiro à frente de Blake Thornton (AUS) e Beyrick De Vries (ZAF).

O atual campeão Jordy Smith (Durban) dominou a bateria do Round 48, com apenas duas ondas. Com uma pontuação de 6,17 e um 5,67 (de dez) derrotou Kiron Jabour (HAW), Austin Ware (EUA) e Corey Lopez (EUA).

O Sul Africano Shaun Joubert (Mossel Bay) revelou sua afinidade por ondas grandes, selando a vitória sobre o segundo lugar e seu companheiro Sul Africano Sean Holmes (CT).

O americano Patrick Gudauskas também se destacou, caindo em linha reta em um tubo para liderar a bateria com um 7,50 e depois com um 6,33, conquistando a vitória sobre Wiggolly Dantas (BRA).

John John Florence (HAW) e Kai Otton (AUS) fizeram um show no final do dia trocando várias ondas com Florence Otton.

A ação parece destinado a continuar amanhã com mais grandes ondas no caminho. A próxima chamada é amanhã de manhã 07h00.

Galerias | Mais Galerias