#profissional #mundial #wct #competições #surf 

Brasileiros Fora na Repescagem do Quiksilver Pro Gold Coast

ASP

Todos os brasileiros que estavam pendurados no round de repescagem foram mandados pra casa, incluindo o fenômeno Gabriel Medina, derrotado por outro estreante, o australiano Yadin Nicol

Com ondas de 1 metro a 1 metro e meio em boas condições de Snapper Rocks, aconteceu hoje o round 2 de repescagem do Quiksilver Pro Gold Coast 2012

O australiano Yadin Nicol, estreante de 2012 dos Top 34, ganhou sua primeira bateria do ASP World Tour no Quiksilver Pro hoje do tambem estreante altamente elogiado Gabriel Medina. Nicol se classificou para a elite do ASP World Tour durante a rotação do meio do ano no ano passado (assim como Medina), mas foi forçado a desistir de sua vaga devido a uma lesão no tornozelo.

"Foram frustrantes seis meses estando machucado e fora dos eventos," disse Nicol. "Os últimos cinco minutos de bateria foram desesperadores, de modo que ao obter a vitória, eu estou sobre a lua. Estou amarradão. Eu não estava realmente nervoso, mas eu estava focado em vencer a primeira bateria da tour. Eu não queria ser o cara que passa todo o ano sem uma vitória, e agora não preciso me preocupar com isso agora eu vou ver o que posso fazer a partir daqui. "

O frances Jeremy Flores escapou através de uma bateria apertada contra o potiguar Jadson André. Flores e André tanto puxaram para dentro de varios tubos, mas não conseguiam encontrar saídas, até Flores se enfiar dentro de um clássico tubo por tras das pedras para marcar um 8,17 (de um total de 10 possíveis) e conquistar a vitória.

"Eu sabia que haveria alguns tubos na maré baixa", disse Flores. "Eu queria entubar, eu peguei alguns que estava bem perto de sair e não conseguia, exceto por um. Talvez tenha sido a pressão. Eu estou sentindo muita pressão neste evento, como eu sou um novato novamente. Eu não sei porque, este é o meu sexto ano na tour. eu estou apenas com 23 anos de idade, mas o tipo de sensação, como um velho com todos estes novatos. É bom que nos faz trabalhar mais. Eu tenho tentado me esforçar e fazer algumas manobras que eu não tinha feito antes. "

O sulafricano Jordy Smith veio voando para fora dos portões de sua esta tarde, marcando um 8,33 (de um total de 10 possíveis) e um 9,10 em suas duas ondas de abertura. Smith surfou suave e rápido para eliminar o americano veterano Taylor Knox.

"Eu apenas tive que me certificar de que era as ondas que permitiram as curvas de grande potência", disse Smith. "Se eu pudesse fazer isso e misturar com algum material explosivo, eu sabia que ia conseguir a pontuação que eu queria. Depois de perder ontem, eu prometi a mim mesmo que eu ia lá fora e me divertiria. Eu tinha colocado esta competição na minha cabeça e agora estou me sentindo mais relaxado. "

O australiano Joel Parkinson, segundo lugar de 2011 ASP World Tour, estava de volta às vitórias hoje após uma chocante perda no Round 1 em seu pico local ontem. Parkinson eliminou o vencedor das triagens e vice-campeão de 2011 do Título Mundial Junior da ASP, o australiano Garrett Parkes, em um caso unilateral.

"Snapper sempre tem um pouco de enjôo matinal, e sendo um surfista local, isso ajuda a saber onde sentar", disse Parkinson. "Ontem eu sabia que ninguém perderia na 1ª fase, foi uma grande bateria e um bom aquecimento para o evento. Eu fui embora pensando que eu não tive um surfista que me afrontasse, e a tour tem tudo a haver com o confronto homem-a-homem. Então hoje eu esperei Garrett (Parkes) jogar algumas grandes pontuações, o garoto tem um grande futuro, é apenas uma questão de tempo antes que ele derrube um grande nome e eu estou contente que não fui eu. "

Os australianos Taj Burrow e Dane Reynolds chamaram uma multidão em Snapper neste domingo em seu épico confronto no Round 2 esta manhã. Ambos os surfistas desencadearam grandes aereos e rasgadas monstras, mas foi Burrow que foi capaz de encontrar as ondas longas e conectar as suas manobras para avançar para o Round 3.

"Foi bom conseguir tirar um do caminho, porque eu estava me virando na cama na noite passada pensando sobre o que eu ia fazer contra o Dane (Reynolds)", disse Burrow. "Sua abordagem para o surf é parecida com a minha, então eu estou feliz por fazer um show. Antes da bateria eu não tive realmente uma boa onda lá fora ainda este ano, porque ontem eu só peguei umas merrecas de meio metro. Eu ainda estava encontrando os meus pés hoje, no início da bateria, então eu vi Dane pendurar sua prancha para fora em um par de rasgadas e isso me deixor pilhado. "

Destaques disponíveis via www.quiksilverlive.com/progoldcoast/2012

Para mais informações, entre no www.aspworldtour.com

QUIKSILVER PRO GOLD COAST ROUND 2 - RESULTADOS:

Bateria 1: Joel Parkinson (AUS) 16,36 derr. Garrett Parkes (AUS) 6,43

Bateria 2: Taj Burrow (AUS) 18,10 derr. Dane Reynolds (EUA) 16,06

Bateria 3: Yadin Nicol (AUS) 13,13 derr. Gabriel Medina (BRA) 12,53

Bateria 4: Julian Wilson (AUS) 14,06 derr. Kai Otton (AUS) 13,73

Bateria 5: Jordy Smith (ZAF) 17,43 derr. Taylor Knox (EUA) 12,33

Bateria 6: Travis Logie (ZAF) 15,30 derr. Alejo Muniz (BRA) 13,03

Bateria 7: Josh Kerr (AUS) 17,60 derr. Patrick Gudauskas (EUA) 10,53

Bateria 8: Matt Wilkinson (AUS) 15,86 derr. Damien Hobgood (EUA) 10,33

Bateria 9: Jeremy Flores (FRA) 13,67 derr. Jadson Andre (BRA) 12,07

Bateria 10: Kieren Perrow (AUS) 14.00 derr. CJ Hobgood (EUA) 13,84

Bateria 11: Bede Durbidge (AUS) 13,53 derr. Tiago Pires (PRT) 10,73

Bateria 12: Kolohe Andino (EUA) 14,33 derr. Brett Simpson (EUA) 13,87

PRÓXIMOS QUIKSILVER PRO GOLD COAST ROUND 3:

Bateria 1: Owen Wright (AUS) x Matt Wilkinson (AUS)

Bateria 2: Josh Kerr (AUS) x Kieren Perrow (AUS)

Bateria 3: Adriano de Souza (BRA) x Kolohe Andino (EUA)

Bateria 4: Michel Bourez (PYF) x Bede Durbidge (AUS)

Bateria 5: Jeremy Flores (FRA) x Heitor Alves (BRA)

Bateria 6: Kelly Slater (EUA) x Fredrick Patacchia (HAW)

Bateria 7: Joel Parkinson (AUS) x Yadin Nicol (AUS)

Bateria 8: Mick Fanning (AUS) x Miguel Pupo (BRA)

Bateria 9: Jordy Smith (ZAF) x Raoni Monterio (BRA)

Bateria 10: Julian Wilson (AUS) x Adam Melling (AUS)

Bateria 11: John John Florence (HAW) x Adrian Buchan (AUS)

Bateria 12: Taj Burrow (AUS) x Travis Logie (AUS)