#feminino 

ASP Womens Star é encerrado sem sul-americana no G-6

João Carvalho

A australiana Nikki Van Dijk, 18 anos, garantiu sua classificação para o WCT vencendo a última etapa do ASP Womens Star 2013 na Espanha

A bateria final do Pantin Classic Galicia Pro no domingo, 1.o de setembro, foi contra mais uma novidade na elite feminina das top-16 para o ano que vem, a também australiana Dimity Stoyle, 21 anos. As outras são a havaiana Alessa Quizon e a francesa Johanne Defay, ambas com 19 anos de idade, com duas já integrantes da divisão principal do ASP Tour fechando a lista das seis indicadas pelo ranking de acesso para completar o grupo das top-16, a havaiana Malia Manuel, 20, e a neozelandesa Paige Hareb, 23.

No momento, nenhuma surfista da América do Sul está se classificando para o WCT de 2014. A brasileira Silvana Lima, 28 anos, e a peruana Anali Gomez, 27, tinham chances de entrar no G-6 na Espanha. Elas estrearam na sexta-feira avançando em suas estreias nas ondas de Pantin, mas acabaram sendo barradas na mesma bateria da fase seguinte, pela campeã Nikki Van Dijk e a francesa Pauline Ado, 22, uma das tops da elite atual que faz parte das duas listas classificatórias para o WCT.

Pauline está em último na relação das dez surfistas que são mantidas no grupo das top-16 pelo ranking da divisão principal, mas ficou na frente de Paige Hareb e Johanne Defay no ASP Womens Star. Ou seja, caso saia das dez primeiras colocadas no WCT nas duas últimas etapas que vão fechar a temporada feminina na Europa, ela garante sua permanência pelo ranking de acesso. É também no Roxy Pro, de 24 a 30 de setembro na França, e no EDP Surf Pro Estoril, de 3 a 8 de outubro em Portugal, que a brasileira Silvana Lima vai tentar manter a América do Sul no seleto grupo das melhores do mundo.

Isso porque a peruana Sofia Mulanovich, 30 anos, que conquistou o único título mundial no WCT para o continente sul-americano, é a última do ranking e nem competiu no Colgate Plax Girls Pro Rio, a etapa brasileira do WCT no Rio de Janeiro. Para a outra peruana, a atual campeã sul-americana Anali Gomez, a última chance de classificação era no Pantin Classic Galicia Pro. Com a 19.a colocação na Espanha, em vez de subir, ela caiu da vigésima para a 23.a posição no ranking final do ASP Womens Star.

Já a cearense Silvana Lima ficou em 13.o lugar em Pantin e subiu de 25.o para 21.o, ficando bem distante da nona colocada, Johanne Defay, que fecha o grupo das seis que estão se classificando para o WCT 2014. A vaga da francesa ainda é ameaçada pelos resultados das tops atuais nas duas etapas finais do ASP Womens Tour 2013 na França e em Portugal. Também ficam na torcida a décima e 11.a colocadas no ranking de acesso, a havaiana Tatiana Weston-Webb, 17 anos, e a francesa Alize Arnaud, 23, respectivamente.

Elas ainda podem até entrar no G-6, caso Malia Manuel e Paige Hareb ingressem no grupo das top-10 do WCT, liberando suas classificações pelo ASP Womens Star. A havaiana Malia Manuel terminou em primeiro lugar no ranking de acesso encerrado na Espanha. A líder era a norte-americana Courtney Conlogue, que venceu a etapa passada na França e não foi competir em Pantin até porque está na briga direta pelo título mundial e mais concentrada no WCT. Ela também foi superada pela australiana Dimity Stoyle, que saltou do quarto para o segundo lugar com o vice-campeonato no último ASP Womens 6-Star do ano.

O Pantin Classic Galicia Pro também promoveu uma etapa masculina do ASP 3-Star que terminou no sábado com vitória taitiana de Steven Pierson. O título valeu 750 pontos e ele subiu para o 99.o lugar no ASP World Ranking na Espanha. A grande final foi contra o neozelandês Billy Stairmand (2.o lugar), o costa-riquenho Carlos Muñoz (3.o) e o português José Ferreira (4.o).

Os dois melhores surfistas do campeonato tiraram o Brasil da decisão na Galícia, barrando David do Carmo nas semifinais. O paulista trocou os 277 pontos da sétima posição na Espanha, pelos 250 do 49.o lugar no 6 estrelas de El Salvador, porém permaneceu em 46.o no ranking unificado da ASP. Além dele, mais oito surfistas da América do Sul competiram nas oitavas de final que abriram o sábado decisivo para os homens na Espanha.

Seis avançaram para as quartas de final, quando só David do Carmo se classificou com vitória na primeira bateria. Depois de passar atrás do campeão Steven Pierson nas oitavas, o paulista superou o vice-campeão Billy Stairmand que ganhou a briga pela segunda vaga do venezuelano Rafael Pereira. O argentino Leandro Usuña ficou em último no confronto seguinte, assim como outro venezuelano, Francisco Bellorin, na terceira quarta de final. Já na briga pela duas últimas vagas nas semifinais, deu dobradinha portuguesa de José Ferreira e Marlon Lipke sobre os brasileiros Cauê Wood (SC) e Bino Lopes (BA).

O resultado do ASP 3-Star da Espanha não provocou nenhuma mudança entre os cinquenta primeiros do ranking unificado e a batalha para entrar no grupo dos dez que se classificam para o WCT de 2014 será travada mesmo nas quatro últimas etapas do ASP World Prime que valem 6.500 pontos. A próxima é agora nesta semana em Portugal, onde o bicampeão brasileiro Messias Felix vai defender o título conquistado no ano passado nas Ilhas Açores.

RANKING FINAL DAS 6 ETAPAS DO ASP WOMENS STAR 2013 – G-6 PARA O WCT 2014:

1.a: Malia Manuel (HAV) – 9.220 pontos e 1.a do G-6 para o WCT 2014

2.a: Dimity Stoyle (AUS) – 8.350 – 2.a do G-6

3.a: Courtney Conlogue (EUA) – 8.220

4.a: Alessa Quizon (HAV) –7.280 – 3.a do G-6

5.a: Nikki Van Dijk (AUS) – 6.630 – 4.a do G-6

6.a: Sally Fitzgibbons (AUS) – 6.140

7.a: Pauline Ado (FRA) – 5.850

8.a: Paige Hareb (NZL) – 5.393 – 5.a do G-6

9.a: Johanne Defay (FRA) – 5.230 – 6.a do G-6

10.a: Bianca Buitendag (AFR) – 4.593

——–melhores sul-americanas:

21: Silvana Lima (BRA) – 2.753 pontos

23: Anali Gomez (PER) – 2.623

31: Sofia Mulanovich (PER) – 1.893

36: Dominic Barona (EQU) – 1.652

37: Ornella Pellizzari (ARG) – 1.610

51: Bruna Schmitz (BRA) – 1.401

70: Rosanny Alvarez (VNZ) – 681

RESULTADOS DO DOMINGO DECISIVO DO ASP WOMENS 6-STAR 2013 NA ESPANHA:

FINAL FEMININA DO PANTIN CLASSIC GALICIA PRO:

Campeã: Nikki Van Dijk (AUS) por 16,23 pontos (notas 9,23+7,00) – US$ 8.000 e 3.500 pontos

Vice-campeã: Dimity Stoyle (AUS) com 12,47 (notas 8,87+3,60) – US$ 4.000 e 2.640 pontos

SEMIFINAIS – 3.o lugar – US$ 1.900 e 2.080 pontos:

1.a: Dimity Stoyle (AUS) 15.07 x 13.10 Tatiana Weston-Webb (HAV)

2.a: Nikki Van Dijk (AUS) 17.07 x 12.23 Alessa Quizon (HAV)

RESULTADOS DO SÁBADO DECISIVO DO ASP 3-STAR MASCULINO DA ESPANHA:

FINAL DO PANTIN CLASSIC GALICIA PRO:

Campeão: Steven Pierson (TAH) por 16,83 pontos – US$ 8.00 e 750 pontos

Vice-campeão: Billy Stairmand (NZL) com 15,70 – US$ 4.000 e 563 pontos

Terceiro lugar: Carlos Muñoz (CRI) com 14,37 – US$ 2.500 e 422 pontos

Quarto lugar: José Ferreira (PRT) com 13,77 – US$ 2.000 e 369 pontos

SEMIFINAIS – 3.o=5.o lugar (US$ 1.550 e 316 pts) / 4.o=7.o lugar (US$ 1.300 e 277 pts):

1.a: 1-Billy Stairmand (NZL), 2-Steven Pierson (TAH), 3-Hiroto Arai (JAP), 4-David do Carmo (BRA)

2.a: 1-José Ferreira (PRT), 2-Carlos Muñoz (CRI), 3-Jordin Watson (AUS), 4-Marlon Lipke (PRT)

Galerias | Mais Galerias