#profissional #mundial #wct #competições #surf 
Polinésia Francesa

Antes SLATER do que nunca! Kelly vai ao topo no Tahiti

ASP/ Surfguru

O monstro está de volta! Depois de passar pelos três primeiros eventos da Tour Mundial sem aparecer nas cabeças, e faltar um evento para ir pegar um swell incrível em Fiji, o fenômeno Kelly Slater venceu no Tahiti e está de volta ao topo do ranking.

Slater começou a realmente pegar vapor nas condições de hoje, ao enviar o australiano Josh Kerr para casa nas semifinais antes do encontro letal com o goofy-footer Wright nas finais. O norte-americano icónico utilizou sua habilidade técnica superior nos tubos para postar um total de 18,43 de 20 possíveis, o que provaria ser demais para o seu jovem oponente conseguir superar.

"Eu me senti como se finalmente tivesse encontrado o meu caminho nas semifinais nesta manhã", disse Slater. "Na final, eu caí em um par de ondas que foram talvez melhores do que as que eu acabei marcando pontos. Eu coloquei pressão sobre mim, e tirei a pressão de cima dele (Wright). Ele conseguiu que uma muito grande no final que poderia ter chegado muito perto da pontuação. Estas são as melhores condições em que este evento foi executado, foi uma semana fenomenal. "

Entrando no Tahiti avaliado com o n º 6 no ranking, a vitória de Slater hoje eleva o Floridiano para o lugar No. 1 depois que um número de sementes top sofreram eliminações precoces nas mãos de um impiedoso Teahupo'o.

"É um daqueles eventos estranhos aonde você tem que passar através dos primeiros rounds", disse Slater. "Todos os anos, neste evento, são poucos os caras top que perdem nos primeiros rounds e você tem que lutar se você quiser um resultado aqui. Você tem que estar em sintonia com as marés, a direção inchar e tudo para ter certeza de obter as ondas que você obtenha a pontuação. "

A vitória de hoje marcou a 47a vitória de Slater na turnê (de 67 aparições nas Finais).

Wright assegurou o melhor resultado de sua jovem carreira hoje, terminando em segundo no Billabong Pro Tahiti. O australiano progressivo foi um destaque no Teahupo'o, pegando tubos perfeitos e vitórias impressionantes com facilidade.

Raoni eliminado nas Quartas

Raoni Monteiro era o pior brasileiro no ranking mundial - 28º - e foi quem conseguiu ir mais longe nas ondas de Teahupoo. Tirou a primeira nota 10 da etapa - na repescagem, contra Adriano de Souza, o Mineirinho - e seguiu até as quartas de final, seu melhor resultado na temporada. Nesta segunda-feira, caiu diante do australiano Owen Wright.

Em toda a história do Circuito Mundial, apenas três brasileiros conseguiram chegar às semifinais em Teahupoo: Bruno Santos (campeão), Teco Padaratz e Danilo Costa.

- Estou muito orgulhoso do que fiz nesse campeonato - disse Raoni.

Das quatro etapa anteriores a Teahupoo, o surfista de Saquarema acumulava três 25º lugares (Gold Coast, Bells Beach e Jeffreys Bay) e um nono (no Rio de Janeiro).

Em Teahupoo, perdeu na estreia, mas se recuperou na repescagem, onde derrotou Mineirinho, então terceiro do ranking. Na terceira fase, eliminou o americano CJ Hobgood, campeão mundial de 2001. Na quarta, enfrentou Owen e o havaiano Fred Patacchia em uma das melhores baterias do dia. Owen, inspirado, tirou 10,00 e 9,77. Novamente na repescagem, o brasileiro despachou o aussie Chris Davidson.

Nesta segunda, Raoni e Owen se enfrentaram novamente. O brasileiro foi o primeiro a se arriscar em um tubo, mas foi esmagado por ele. O aussie, então com prioridade, esperou dez minutos até pegar a primeira. Completou o pequeno tubo com uma manobra. Antes mesmo de a nota sair, ele já estava em outra onda: 7,17 e 6,67 para deixar Raoni em combinação.

Raoni saiu da “comb” em seguida, mas ficou na briga só por uns instantes. Owen, de novo achou a melhor onda e arrancou um 9,57. O brasileiro tirou um 6,00 e ficou em busca de 9,64. No último minuto, remou para uma esquerda, entubou, mas ganhou 5,10.

BILLABONG PRO TAHITI RESULTADOS FINAIS:

1 - Kelly Slater (EUA) 18,43

2 - Owen Wright (AUS) 17,10

BILLABONG PRO TAHITI RESULTADOS SEMIFINAL:

SF 1: Kelly Slater (EUA) 14,50 def. Josh Kerr (AUS) 10,60

SF 2: Owen Wright (AUS) 19,50 def. Travis Logie (ZAF) 14,40

Billabong Pro Tahiti RESULTADOS QUARTAS:

QF 1: Josh Kerr (AUS) 11,94 def. Jeremy Flores (FRA) 11,83

QF 2: Kelly Slater (EUA) 17,50 def. Matt Wilkinson (AUS) 6.17

QF 3: Travis Logie (ZAF) 18,07 def. Brett Simpson (EUA) 17,14

QF 4: Owen Wright (AUS) 16,74 def. Raoni Monteiro (BRA) 13.10

RANKING TOP 5 (Depois Billabong Pro Tahiti)

1. Kelly Slater (EUA) 26.950 pts

2. Jordy Smith (ZAF) 26.500 pts

3. Joel Parkinson (AUS) 26.200 pts

4. Adriano de Souza (BRA) 22.750 pts

5. Owen Wright (AUS) 21.900 pts

Galerias | Mais Galerias