#feminino #competições #3 estrelas 
Peru

Anali Gomez vence final peruana no Rip Curl Girls Punta Rocas

João Carvalho

"La Negra" festejou sua primeira vitória no Circuito Mundial da ASP na decisão do título contra a campeã mundial e sul-americana Sofia Mulanovich no Peru

Uma final entre as duas melhores surfistas do Peru fechou o Rip Curl Girls Pro no domingo de boas ondas de 4-6 pés em Punta Rocas, no distrito de Punta Negra, no Peru. A disputa do título foi onda a onda e Anali Gomez surfou a melhor do dia para bater a campeã mundial Sofia Mulanovich e festejar sua primeira vitória no Circuito Mundial da ASP. Anali largou na frente no ranking classificatório para o WCT de 2014 e ainda pode ser consagrada como campeã sul-americana profissional da ASP South America de 2013, caso não aconteça nenhuma outra etapa do ASP Women´s Star no continente este ano.

No ano passado, a número 1 da América do Sul foi Sofia Mulanovich, que começou o último dia ganhando o duelo contra a campeã sul-americana de 2011, Dominic Barona, do Equador. Na outra semifinal, Anali Gomez despachou a também peruana Valeria Sole, que dividiu o terceiro lugar no primeiro ranking mundial feminino do ano com a equatoriana.

"Estou muito feliz por ter começado o ano com o pé direito", disse Anali Gomez. "Competir contra a Sofia (Mulanovich) é uma honra para mim, mas consegui usar bem o meu backside para vencer aqui na minha praia, pois moro aqui em Punta Hermosa. É a primeira vez que eu ganho uma etapa do WQS (ASP Womens Star) e estou muito feliz. Agora eu viajo no dia 28 para a Austrália para continuar disputando as etapas do Circuito Mundial lá e tentar me classificar para o WCT".

A expectativa do público antes da bateria final era grande, já que as duas maiores surfistas do Peru iam disputar o título do Rip Curl Girls Pro Punta Rocas. A batalha foi onda a onda e as peruanas surfaram o seu melhor, trocando de posição a cada apresentação. Sofia estava vencendo nos minutos finais, mas Anali pegou uma das melhores ondas do dia e destruiu a direita até a praia para abrir uma vantagem de 8 pontos para a campeã mundial de 2004.

O tempo foi passando e começou um jogo de estratégia no mar. "La Negra", como Anali Gomez é conhecida no Peru, procurou dominar o pico para se manter na frente da bateria. Mas, a experiente Sofia Mulanovich ainda pegou uma onda para tentar a virada, porém não conseguiu a nota que precisava e o resultado não se alterou, com Anali sendo coroada como a campeã da primeira etapa do ASP Womens Star em 2013.

O Rip Curl Girls Pro Punta Rocas Pro foi uma etapa nível 3 estrelas e a vitória valeu 750 pontos no primeiro ranking mundial feminino do ano. Agora tem duas provas com nível 6 estrelas de 3.500 pontos na Austrália. A primeira delas é o Breaka Burleigh Pro em Burleigh Heads nos dias 3 a 10 de fevereiro. E a outra é o Hunter Ports Womens Classic em Merewether Beach, Newcastle, de 18 a 24 de fevereiro. O ranking do ASP Womens Star classifica seis surfistas para a elite das top-16 do WCT feminino.

O Rip Curl Girls Pro Punta Rocas Peru 2013 foi apresentado pela Powerade, MAPFRE, Cerveza Corona e Sony Handycam e patrocinado por Nosotras, Dragon de Barranco, Skullcandy, Burn, Tablas Wayo Whilar, Oculos Dragon e Swatch. Jeep foi o veiculo oficial do evento, que também contou com apoio da Prefeitura de Punta Negra e da ASP, IPD, ALAS e FENTA.

RESULTADO DO RIP CURL GIRLS PRO E

RANKING DO ASP WOMENS STAR 2013 E

RANKING DA ASP SOUTH AMERICA 2013:

1.o lugar: Anali Gomez (PER) - 750 pontos

2.o: Sofia Mulanovich (PER) - 563

3.o: Dominic Barona (EQU) - 422

3.o: Valeria Solé (PER) - 422

5.o: Tatiana Weston-Webb (HAV) - 316

5.o: Jasset Umbel (EUA) - 316

5.o: Carol Fernandes (BRA) - 316

5.o: Vania Torres (PER) - 316

9.o: Rosanny Alvarez (VEN) - 237

9.o: Kallee Krebs (HAV) - 237

9.o: Brissa Malaga (PER) - 237

9.o: Miluska Tello (PER) - 237

13: Aloha Maciel (BRA) - 208

13: Momoko Miyasaka (JAP) - 208

13: Rina Kitazawa (JAP) - 208

13: Lorene Chauvel (PER) - 208

Galerias | Mais Galerias