#competições #profissional #surf 

3ª e última etapa do Maresia Paulista de Surf Profissional começa neste sábado

Fabio Maradei

4º campeão paulista de surf profissional será conhecido neste final de semana em Maresias.

A mais tradicional disputa do surf brasileiro terá o 34º campeão consecutivo conhecido neste final de semana, na Praia de Maresias, em São Sebastião. A 3ª e última etapa do Maresia Paulista de Surf Profissional começa neste sábado (7), reunindo surfistas de nove estados. Outro grande atrativo no evento são os 3 mil pontos no ranking Abrasp, valiosos para a corrida pelo título brasileiro deste ano.

A primeira chamada está marcada para 7h30. As disputas serão transmitidas ao vivo pela internet, no link www.maresia.com.br/paulistapro2017/ao-vivo ou pelo Facebook da marca, o www.facebook.com/maresiaoficial/. O mar baixou nesta sexta-feira, mas a organização está confiante na qualidade das ondas para a realização das disputas. As baterias decisivas estão marcadas para domingo (8), com a final prevista para 14h30.

Entre os destaques da etapa estará o ubatubense Tales Araújo, 22 anos, que passou a ser o líder do ranking nacional, após uma correção na pontuação. Foi incluída justamente a sua participação na 2ª etapa do Maresia, na Praia Grande, em Ubatuba, onde terminou em terceiro lugar.

Na classificação do Paulista, Tales é o quarto colocado e segue com chances reais de erguer a taça. “Quero dar meu melhor a cada dia, sem pensar muito no campeonato, aproveitando a oportunidade de estar disputando dois títulos em paralelo e sinto que estou pronto para qualquer condição”, diz o surfista, que gosta de competir em Maresias. “É uma das melhores ondas do Brasil, sem dúvida”, destaca.

“É de onde saiu dois de nossos atletas na elite mundial e o primeiro brasileiro campeão mundial. Gosto muito de ir para lá”, reforça Tales, sabendo da importância do título paulista para a carreira de um atleta. “Esses dias eu olhei no Facebook a galeria de campeões paulistas profissionais e só tinha atleta que assistia antes mesmo de querer ser surfista. Então, me sinto honrado de poder estar representando Ubatuba e ter a chance de disputar esse título”, completa.

O título paulista é disputado desde 1980 e nos últimos 11 anos tem o patrocínio da Maresia. Nas três primeiras edições, a competição era bianual e depois foi realizada todos os anos, sem interrupções. Almir Salazar de Santos foi o primeiro campeão e também o único tetracampeão. Outros nomes conhecidos que figuram na galeria dos melhores do Paulista são Picuruta Salazar, Jojó de Olivença, Tinguinha Lma, Renan Rocha, Tadeu Pereira, Paulo Rabelo, Jair de Oliveira (único tricampeão), mais recentemente Renato Galvão, Hizunomê Bettero (ambos bicampeões), Matheus Toledo e Wiggolly Dantas, hoje no WCT. 

Além do título paulista e dos 3 mil pontos na Abrasp, a etapa chama a atenção pelos R$ 30 mil em premiação, com R$ 8 mil ao vencedor, uma moto ok ao campeão do Circuito, oferecida pela oferecida pela Surf Trip, Kyw e Super Tubes. Há, também, a Overboard Expression Session, com mais R$ 1 mil ao autor da manobra mais radical.

O Maresia Paulista de Surf Profissional 2017 tem os patrocínios da rede de lojas Overboard, Surf Trip, Kyw e Super Tubes. Apoios de K Energy Drink, prefeituras de Ubatuba e São Sebastião, Associação Ubatuba de Surf e Associação de Surf de São Sebastião, Governo do Estado de São Paulo/Secretaria da Juventude Esporte e Lazer, com divulgação de Waves. Realização: Federação Paulista de Surf.