#tubarões #ataques 

Surfistas Avisam que Não Deixarão de Surfar Após Ataque de Tubarão

Samantha Tatro e Ramon Galindo - NBC

Muitos surfistas afirmaram que ver tubarões na água da praia de San Onofre nunca foi raridade. Esta praia é onde fica o pico de Trestles.

Surfistas da popular praia de San Onofre, aonde ocorre uma etapa do mundial de surf no famoso pico de Trestles, disseram neste fim de semana que o ataque de tubarão não vai impedi-los de ir surfar na praia. "Eu vi alguns tubarões na água e algumas nadadeiras dorsais bastante grandes na água lá fora, mas eu não estou alarmado por isso", disse Kirt Nixon, um surfista de Encinitas no domingo.

A praia de San Onofre ficou fechada até domingo à noite após o ataque de tubarão de sábado. Os salva-vidas irão reavaliar a água. Uma mulher foi puxada da água e transportada para um hospital próximo, depois que um tubarão mordeu a sua perna. Os resgatadores da mulher disseram que quase todo o músculo em sua perna estava faltando quando eles a levaram para a praia.

Mas o fechamento não impediu que alguns surfistas entrassem na água nas praias próximas. "Como surfista, eu não vou deixar isso me impedir de surfar", disse Nixon. "Eu tenho surfado aqui desde que eu era criança." Muitos surfistas que falaram com a NBC 7 disseram que ver tubarões na água da praia de San Onofre não era algo incomum.

"No Domingo de Páscoa, houve um avistamento de um tubarão branco, que estava comendo uma foca", disse Mike Hurlbot, um residente. Os tubarões estão sempre lá fora, disse Nixon. "Eu não estou muito preocupado com isso", acrescentou. Kyle Baria, um surfista de San Marcos, disse que estava "louco" em pensar que alguém foi morto por um tubarão em um local que ele freqüentava. "Eles estão lá fora, nós sabemos disso", disse Baria. "E nós odiamos ver um amigo ser mordido, todos nós corremos para tirar essa pessoa para fora da água."

Para outros residentes locais, a visão de golfinhos na manhã de domingo foi uma garantia adicional. "Houve um golfinho que ficou por lá por um longo tempo, o que é sempre tranquilizador", disse Lee Watson, um residente de San Clemente. "Nós gostamos quando os golfinhos aparecem, os tubarões não parecem gostar tanto deles, faz você se sentir um pouco mais seguro".


Fonte: NBC News