#big surf #ondas grandes #surf 
Brasil

Raquel: das marolinhas ao big surfe

Raquel Heckert

Não importa o tamanho, a Raquel sempre esta no mar. Nesse mês das mulheres ela conta pra gente como ela aproveita todos os momentos possíveis no mar para aproveitar e para se aperfeiçoar como surfista.

Nesse mês das mulheres, vamos compartilhar com a nossa comunidade um pouquinho sobre a história de algumas mulheres que inspiram outras a se jogar no mar. Vem conferir um pouco da história da Raquel!

- Quem é você?

Meu nome é Raquel Heckert. Sou surfista profissional, big rider da nova geração do surfe de ondas grandes do mundo, modelo de lifestyle para marcas e criadora de conteúdo. 

- Como é a sua relação com o mar hoje? 

Minha relação com o mar é super especial. Cada dia quero aproveitar o tempo que tenho para treinar o melhor possível dentro d’água. Tento aproveitar para treinar nos dias de meio metrinho a dias gigantes, amo estar no mar. E se tá flat, nado, treino apnea, dou remada de stand up.

Uma das coisas que amo a respeito do mar é que através dele eu me conecto com pessoas do mundo todo! 

Como ela começou?

Comecei quando tinha 12-13 anos de idade. Aprendi a surfar no canal de Itaipu (em Niterói, RJ). Surfei lá por quase dois anos, e comecei a ir para Itacoatiara e outros lugares. Sempre competi campeonatos locais e adorava passar horas no mar. Não tinha muito apoio naquela época para o surfe feminino, era muito difícil chegar em algum lugar, não tenho família no surfe, nem dinheiro, nem coach, nem patrocínios... mas graças a Deus Ele me deu forças, fé e abriu portas para conquistar coisas que um dia parecia impossível nos olhares de muitos. Seguindo os planos de Deus com fé, nada é impossível!

- Qual foi o maior perrengue que você já passou no mar?

Uma vez em estava em Nias, na Indonésia. Tomei uma pranchada no rosto quando vaquei dentro de um tubo. Não tinha nenhum médico na região. Meu rosto ficou super inchado, cortei meu rosto, fiquei tonta, sangramento no nariz por três dias e dentes ficaram sensíveis por uns 6 meses. 

- Qual é a sua melhor lembrança dentro da água?

Tenho muitas lembranças boas, difícil escolher apenas uma! Hehe Sou muito grata a Deus pelos dias maravilhosos de surfe que já tive na vida. Amo os momentos que faço uma manobra no lugar certo da onda, amo sair de um tubo e dropar uma onda grande depois de horas estar esperando por ela. 

- Quais foram seus maiores aprendizados?

Que o quanto mais cedo você sabe dos seus erros melhor para sua evolução. Não deixar perdas em competição te abater, vencer é incrível! Mas não é tudo, é temporário. Sempre haverá o próximo campeão. Levante a cabeça e volte para batalha. 

- Qual o seu próximo desafio? Objetivo?

Vencer os próximos campeonatos que surgirem! Ser melhor do que o dia anterior!  Viajar para pelo menos um país neste ano que nunca surfei antes! Começar a minha marca, que já venho pensando a tempo!

- O que diria para uma mulher que está começando a se conectar com o mar?

Aproveite bastante, o mais importante é se divertir! Deus quer que a gente aproveite o presente que Ele nos deu.

.

Comentários

Galerias | Mais Galerias