Brasil

Workshop de Ondas Grandes reforça a importância do esporte do mar feminino

Vitor Daltro

Atletas convidadas participaram de dois dias de treinamentos de apnéia e tow-in. Premiação acontece nesta sexta-feira, dia 13, às 21h, com transmissão ao vivo pelo instagram oficial do evento.

O Extreme Boardriders 2020 acontece nesta sexta-feira, dia 13/11/2020, às 21h, comprovando que o Brasil também é um país de ondas grandes e premiando as maiores e mais impressionantes ondas surfadas em território nacional. E para essa terceira edição, a parceria com a LOLA Cosmetics permitiu reforçar ainda mais a importância do esporte do mar feminino, com o patrocínio oficial para as Categorias Femininas e a possibilidade de equiparar os prêmios das categorias masculina e feminina. Além de oferecer uma passagem para Nazaré, em Portugal, para os vencedores da categoria Onda do Ano.

Uma das ações realizadas em conjunto com LOLA Cosmetics, organização do evento e Interoceanica foi um workshop de ondas grandes de dois dias exclusivo para mulheres. No primeiro dia, treinamentos de apneia. No segundo, uma introdução ao surf rebocado por jet ski, o tow in, com a presença do campeão mundial Lucas Chumbo.

A organização convidou nomes fortes de atletas do mar para o workshop, como a finalista mundial do XXL de ondas grandes Michaela Fregonesi, campeã brasileira Pro Junior Julia Duarte e a vice-campeã Mariana Areno, a campeã brasileira de longboard Jasmin Avelino, as surfistas e apresentadoras Karol Knopf, Dani Piccolo e Evelin Neves; a bodyboarder Paola Simão e a kitesurfista Sophia Abreu, entre outras representantes do esporte feminino.

Para Karol Knopf, workshops desse tipo são importantes para incentivar as mulheres. "Existe um charme no surfe feminino tão grande que ele tem que ser mais incentivado e explorado. São meninas que possuem uma capacidade gigante e tudo depende exatamente de ações como essa. É isso que faz a diferença. Também me incentivei a pegar um mar maior, de aprender mais sobre tow in e já quero evoluir as técnicas de apneia. Foi extremamente importante ter esses dois dias de workshop com grandes nomes fazendo a diferença para a gente", opina Karol.

Os workshops contaram com as mentorias do recordista mundial de apneia Ricardo Bahia, do campeão mundial de tow in Lucas Chumbo, seu coach e pioneiro da modalidade Carlos Burle e Eraldo Gueiros, organizador do Extreme Boardriders e big rider reconhecido internacionalmente.

"Foram dos dias de muito aprendizado para essas atletas incríveis. O workshop deu ferramentas essenciais para que se sintam ainda mais confortáveis nestes momentos. Elas podem passar adiante esse conhecimento e ajudar a consolidar ainda mais no país o cenário feminino do esporte no mar", afirma Eraldo.

Mais de 200 das maiores e mais impressionantes ondas do país estão inscritas para a terceira edição do Extreme Boardrides, surfadas em locais como Rio de Janeiro, Bahia, Espírito Santo e Santa Catarina. O evento tem como objetivo eleger e premiar as ondas grandes do país, surfadas dentro do período de um ano, através de fotos e vídeos das modalidades surfe, tow-in, kitesurf, bodyboard, stand up paddle e bodysurf, o famoso "surfe de peito".

O evento irá oferecer mais de R$ 20.000,00 em premiação e conta com as seguintes categorias principais, tanto no masculino quanto no feminino: Onda do Ano, Maior Onda na Remada Surf e Melhor Onda de Bodyboard. Também serão premiadas as Melhores Ondas de Kitewave, SUP e Bodysurf, além da Maior Vaca do Ano. Os fotógrafos e cinegrafistas que registraram o momento também são contemplados na premiação.

A categoria Onda do Ano premia a onda grande mais impactante e bem surfada da temporada e é aberta a qualquer forma de esporte de prancha nas ondas. As cinco melhores ondas por categoria serão votadas por um grupo de jurados especializados junto ao voto popular das ondas mais votadas. Os vencedores serão conhecidos nesta sexta-feira, dia 13, em uma live no Instagram do concurso, @extremecluboficial.

Além do voto popular com as ondas mais comentadas nas redes sociais, cinco profissionais respeitados da comunidade de ondas grandes fazem parte do júri:

Maya Gabeira - Surfista Brasileira diversas vezes campeã mundial de ondas grandes e recordista de maior onda surfada por uma mulher no Guiness

Taiu Bueno - Lenda do surfe brasileiro e membro respeitado na comunidade de ondas grandes

Rico de Souza - Empresário e pioneiro do surfe no país

Eraldo Gueiros - Idealizador do projeto e surfista campeão de ondas grandes reconhecido internacionalmente

Rosaldo Cavalcanti - Jornalista e produtor especializado em surfe e ex-surfista profissional

Critérios de Julgamento

Os maiores prêmios de ondas usam técnicas que estimam a altura da onda em relação à altura conhecida do surfista, enquanto calcula a distorção causada pelo ângulo da foto e pelo tamanho da lente. Os juízes das divisões subjetivas são instados a considerar o desempenho sustentado durante todo o percurso - incluindo a qualidade e quantidade geral do desafio ou posições críticas alcançadas e avaliar a habilidade do surfista em uma situação desafiadora, apresentado puramente pela forma única de uma onda em particular.

O Prêmio Brasileiro de Ondas Grandes Extreme Boardriders 2020 conta com patrocínio da Lola Cosmetics, cerveja Kona, Interoceanica e Lyra Navegação. Apoio do Hotel BE Loft Lounge, blocos Teccel, óculos HB, loja 021 Club e Açaí do Rico. Apoio de Mídia do Canal OFF e site RicoSurf. Organização Extreme Club e Kauza Marketing.

Para mais informações, conhecer as ondas inscritas e acessar conteúdos exclusivos, basta entrar no site e Instagram do concurso, em @extremecluboficial e www.extremeclub.com

Comentários

Galerias | Mais Galerias