#comunidade #educação #saúde #surf 
Brasil

Como o Coronavírus afeta o Surf mundial

Alex Larsens

Com várias provas da Liga Mundial de Surf suspensas, e com os profissionais do esporte também sem poderem ter suas rotinas diárias, o COVID-19 está afetando muito o normal funcionamento do esporte, colocando em xeque toda a temporada.

As dúvidas são muito mais do que certezas nesse momento em que a pandemia mundial continua causando cada vez mais vítimas. Porém, o que é já certo, é que os surfistas profissionais terão as Olímpiadas suspensas, sendo que, muito provavelmente, em 2021 vão poder estar lutando pelas medalhas.

Como o nosso campeão mundial Italo Ferreira já confessou, publicamente, esse é um momento de todos os surfistas ficarem solidários, tentando ao máximo evitar o contato físico e as interações sociais. Porém, fica a dúvida pendente, será que é possível ainda surfar, mesmo com o COVID-19 se alastrando em alta velocidade no Brasil?

Podemos continuar surfando normalmente?

Apesar de muitos especialistas terem comentado sobre essa dúvida, que é comum a todos nossos leitores, a verdade é que ainda não se conseguiu chegar a um grande consenso. O que se sabe, até o momento, é que o mais importante é que evite estar muito próximo de um grande grupo de pessoas.

Ora, caso você goste de surfar sozinho, ou acompanhado por um ou dois amigos, em teoria, caso vocês não se toquem, tudo estará seguro. Isso porque, e ao contrário do que acontece com a maioria dos outros esportes, no Surf o contato é feito entre o atleta e a água do mar.

Até o momento, se sabe que o COVID-19 só é alastrado de pessoas para pessoas. Dessa forma, ao estar sozinho no mar, fica quase impossível poder contrair esse vírus.

Contudo, caso precise de viajar ou se deslocar em transportes públicos, o mais aconselhável é que você possa ficar por casa até que receba novas recomendações por parte das Entidades públicas de saúde no Brasil.

Nosso campeão Italo Ferreira deixou mensagem para os surfistas

Quase como se já estivesse percebendo o que estava surgindo, o Italo Ferreira decidiu viajar para permanecer em quarentena no Havaí, tentando ao máximo evitar ficar doente com o COVID-19.

Em uma mensagem muito clara para todos surfistas, e através de sua conta oficial do Instagram, nosso campeão mundial não tem dúvidas que esse é o momento para os surfistas poderem estar refletindo em casa, tentando ao máximo se manterem positivos, enquanto essa tempestade não passa.

Quanto aos seus dias em quarentena, Italo não esconde que está sendo difícil não estar treinando, visto que já há muitos anos, não consegue passar dias sem ir ao mar. Ainda assim, Italo garante que está tranquilo, rezando muito para que tudo possa passar o mais rapidamente possível.

Outros esportes também estão totalmente parados

Tal como está acontecendo com o surf, a verdade é que todos os outros grandes esportes mundiais também estão suspensos, até que uma solução possa ser encontrada para combater o COVID-19.

Por exemplo, uma das provas mais seguidas do mundo, a Premier League futebol, também já está suspensa há várias semanas. No entanto, existem cada vez mais notícias boas vindas de times da Premier League. O Watford FC já abriu as portas do seu estádio para que todos os profissionais de saúde possam se recuperar e descansar.

Aliás, muito recentemente, times espanhóis, como o Real Madrid, também já avançaram para essas medidas solidárias. O objetivo é que as pessoas, na linha da frente, que estão lutando mais contra o Coronavírus, possam ter todas as condições para que possam fazer o melhor trabalho possível.

Mundo dos esportes está unido contra o Coronavírus

Em uma fase histórica para a humanidade, onde todos foram chamados para poderem contribuir, ficando em quarentena, os principais esportes mundiais estão se unindo para que esse vírus possa ser combatido do melhor jeito.

Cada vez mais é notícia de grandes doações e investimentos em equipamentos de saúde, de forma a que os doentes tenham todas as condições necessárias para que se possam recuperar. Só assim será possível responder ao ritmo acelerado em que o COVID-19 está se alastrando.

Como o mar estará sempre disponível para nos receber enquanto surfistas, nossa missão agora, é apenas entrar nele completamente saudáveis para que, em um futuro próximo, possamos compartilhar novamente grandes momentos com nossos colegas e amigos no mar.

Comentários

Galerias | Mais Galerias