#competição #surf 
Ubatuba - São Paulo - Brasil

CBSurf Pro Tour tem etapa decisiva amanhã em Ubatuba

Fábio Maradei

Ubatuba será, efetivamente, capital nacional do surf no sábado e domingo (7 e 8) com a definição dos novos campeões brasileiros de surf profissional no HD apresenta Surf Trip CBSurf Pro Tour.

Previsão Surfguru de águas rasas para a Praia Grande de Ubatuba - SP

Com R$ 80 mil de premiação, divididos igualmente para as categorias masculina e feminina, a 3ª e decisiva etapa do Circuito realizada pela Confederação de Surf reunirá atletas de 11 estados nas ondas da Praia Grande.

No masculino, quatro atletas chegam com chances de erguer o troféu de melhor de 2019, mas o cearense Artur Silva tem grande vantagem e já será declarado campeão título se avançar apenas uma bateria, chegando às quartas-de-final. Alan Jhones, do Rio Grande do Norte, Luan Wood, de Santa Catarina, e Felipe Oliveira, de São Paulo, entram na etapa ainda com expectativas de poder comemorar a conquista brasileira.

Entre as mulheres, são oito candidatas, tendo Tais Almeida, do Rio de Janeiro, e Júlia Santos, de São Paulo, praticamente empatadas na ponta. Se a líder passar uma bateria, esse número cai pela metade e garantindo vaga na final, serão apenas três concorrentes, também com Camila Cássia, que compete “em casa”.

Tanto no masculino quanto no feminino, os tops só entram no mar no segundo dia. As disputas começam sábado, às 8 horas e as finais estão marcadas para domingo, das 13h40 às 14h30, com todas as baterias transmitidas ao vivo pela internet, no site www.fpsurf.com.br. Fora do mar, a atração será a presença do campeão mundial de 2015, Adriano de Souza, o Mineirinho, atleta da equipe HD e que decidiu prestigiar o evento.

ATMOSFERA – Assim como na decisão do título paulista de surf profissional, na mesma Praia Grande, há duas semanas, a Atmosfera Incorporadora e a Filipe Toledo Surf Store são apoiadoras oficiais do evento, que tem o palanque montado bem em frente aos empreendimentos. O diretor da empresa, Kailash Pinotti destaca a importância dessa parceria na Cidade e também lembra outras modalidades que recebem incentivo.

“É uma alegria saber que a Praia Grande receberá mais um grande evento de surf. Aqui na Atmosfera estamos sempre apoiando os esportes e quando é o surf, se torna ainda mais especial pela tradição da modalidade na nossa Ubatuba, que é a capital do surf”, vibra. “Além do surf, apoiamos natação, yoga e também projetos que promovem a dança, capoeira, música e teatro, como o Projeto Nasmakar”, ressalta.

Ele também destaca a parceria com a Filipe Toledo Surf Store, criada pelo top do CT e que fica no Boulevard DNA, da Atmosfera, lembrando que o surfista leva o nome da Cidade e do Brasil para o surf mundial. “Os fãs do surfista, turistas, amantes do esporte e todos em geral poderão se sentir um pouco mais perto da vibe do surf, que é esporte, adrenalina, praia, mar, e tudo de bom que o esporte significa na vida de tantas pessoas, surfistas ou não. Será um grande sucesso”, comenta o diretor da Atmosfera, que atua em projetos residenciais e comerciais na Praia Grande, Saco da Ribeira e Itaguá.

O campeão mundial de 2015, Adriano de Souza, acompanhará as disputas válidas pelas decisões dos títulos brasileiros profissionais masculino e feminino, nestes sábado e domingo (7 e 8), na Praia Grande, em Ubatuba. Afastado das disputas do Championship Tour, para tratar uma lesão no joelho, Mineirinho decidiu prestigiar o seu patrocinador, a Hawaiian Dreams, e vai interagir com atletas durante os dois dias do evento.

“Vou estar na praia acompanhando os melhores do Brasil em ação. Estou contente, também, de voltar a Ubatuba, ver meus amigos, pegar altas ondas, inclusive Ubatuba é o maior cenário de surf que a gente tem em São Paulo”, anunciou o atleta, que deu parabéns pela organização do evento e, inclusive, está na arte do cartaz e no palanque.

Adriano sofreu a lesão no joelho durante o QS de Pantin, na Espanha, no início de setembro, ficando afastado das disputas oficiais, inclusive, da perna europeia do CT e agora da final em Pipeline, Havaí. Esta semana, o atleta divulgou que voltou a surfar. “Tive o prazer de surfar e colocar a borda no lugar. Estou me sentindo a cada dia melhor. Estou surfando, mas não pronto a competir. Em 2020 estarei”, divulgou.

A 3ª e última etapa do ranking da Confederação Brasileira de Surf distribuirá R$ 80 mil de premiação, divididos igualmente para as categorias masculina e feminina. O evento terá transmissão ao vivo pela internet, no www.fpsurf.com.br e começa sábado às 8 horas. As finais estão marcadas para domingo, das 13h40 às 14h30. No masculino, Artur Silva, de Fortaleza, é o líder, enquanto que entre as mulheres, Taís Almeida, de Saquarema, aparece na ponta.

O HD apresenta Surf Trip CBSurf Pro Tour tem os apoios de Super Tubes, Kyw, Surf Skate Mag, Surf Trip Tour, Filipe Toledo Surf Store e Atmosfera Incorporadora. Realização da Federação Paulista de Surf e Confederação Brasileira de Surf em parceria com a Associação Ubatuba de Surf (AUS) e Prefeitura Municipal de Ubatuba, através da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer.

Comentários

Galerias | Mais Galerias