#competição #surf 
Miyazaki - Japão por Chico Padilha

ISA Games 2019 reúne brasileiros favoritos ao ouro olímpico

Com Gabriel Medina e Filipe Toledo, Sexteto busca titulo de seleções no ISA Games Japão 2019. Atual campeão mundial Gabriel Medina e o líder do Tour Filipe Toledo falaram em coletiva.

Previsão Surfguru para Miyazaki - JAP

A ISA (Associação Internacional de Surf) realiza de 07 a 15 de setembro seu mais tradicional torneio anual: os  Jogos Mundiais de Surf, pela segunda vez consecutiva no Japão, agora prestigiado por grandes nomes do circuito mundial profissional, com o torneio reunindo cinquenta e cinco países competindo nos próximos nove dias na Ilha de Miyazaki, sendo um dos eventos classificatório às Olimpíadas de Tóquio 2020 em que o surfe será disputado em outra ilha, a de Chiba, quando cada país pode classificar (Entre 20 homens e 20 mulheres participantes) com até dois no masculino e duas no feminino,

Campeão Medina, líder Toledo

Dois brasileiros campeões mundiais de base da ISA e hoje  destaques no tour mundial estão no Japão pelo Brasil: o dono de dois títulos do circuito profissional e atual defensor do título Gabriel Medina (melhor Sub 18 da ISA ao início de 2010 na Nova Zelândia) e o atual líder da temporada profissional Filipe Toledo (que em 2011 venceu no Peru a Sub 16 no Mundial até 18 anos (Júnior) da ISA).

Coletiva e Ítalo a caminho

A dupla formada pelo quarto do ranking  Medina e pelo líder Toledo também foi atração em coletiva de imprensa na manhã desta sexta-feira na prefeitura de Miyazaki, prestigiada quase integralmente pelo time do Brasil, com  exceção de Ítalo Ferreira que, mesmo após o recente roubo de seu passaporte nos Estados Unidos, se juntará ao grupo conforme garantiu o presidente da Confederação Brasileira de Surf (CBSurf) Adalvo Argolo.

Argolo se mostrou confiante de que Ítalo Ferreira, sexto da temporada, não só vai reforçar o time do Brasil em Miyazaki como também obterá o visto para seu necessário retorno do Japão aos Estados Unidos, onde acontece a seguir a próxima etapa do circuito mundial, a única em piscina de ondas.

Feminino, duas vagas em jogo

O sexteto do Brasil tem forte representação feminina, Silvana Lima (Em 13°lugar  no tour), Tatiana Weston Webb e a jovem bi-campeã brasileira Sub 16 Tainá Hinckel, que vem de vitórias na primeira sequência dos circuitos da CBSurf, tanto no de base quanto no profissional.

Entre os 240 participantes 103 mulheres (43% do total) buscam confirmar vaga olímpica para seu país até o dia 15.

O Brasil tem a opção de vir a ter quatro atletas  classificados entre 10 nomes do tour mundial no fim do ano e  só pode confirmar vagas em 2019 por ele.

Quem seriam os nomes ficariam pendentes do resultado final da elite mundial pela qual provisoriamente estão garantindo Gabriel Medina (4°), Filipe Toledo(1°) e Tatiana Webb (Provisoriamente classificada a Tóquio 2020 com 8° lugar) enquanto Silvana Lima ( hoje fora com 13° lugar) pode vir a se classificar pelo ISA Games mas apenas em sua edição 2020, se nele o Brasil garantiria vaga.

O surfe feminino do Brasil assim, para estar em Tóquio 2020, não depende apenas do resultado no tour mundial 2019 das duas atuais integrantes, mas elas antecipariam o nome do Brasil entre as surfistas de Toquio se ambas forem Top 8 na elite mundial até dezembro.

Nesta condição participariam do ISA Games 2020apenas buscando um novo título por países, conquista coletiva que o Brasil até a edição 2018 só conquistou uma vez, em 2000.

Agenda provisória do evento:

7 de setembro

Desfile das Nações e Cerimônia de Abertura

Possível início da categoria Feminina

8 e 9 de setembro

Feminino

10 de setembro

Aloha Cup (a ser determinado)

Feminino

Início da categoria Open Masculino

11 de setembro

Open Feminino - Finais

Masculino Aberto continua

15 de setembro

Open Masculino - Finais

Cerimônia de encerramento

https://isasurf.org/wsg/2019/en/teams/

Esse texto pode sofrer atualização em www.cbsurf.com.br

Qualificação do surfe para Tóquio 2020

Qualificação para Tóquio 2020: Como funciona?

A ISA criou um processo de qualificação com a aprovação do Comitê Olímpico Internacional (COI) para a estreia olímpica do surf em Tóquio 2020 , garantindo a participação dos melhores surfistas profissionais do mundo e promovendo oportunidades  para surfistas de todo o mundo nos Jogos Mundiais de Surfe 2019 e 2020.

20 homens, 20 mulheres.

Máximo de 2 surfistas por gênero, de acordo com o Comitê Olímpico Nacional (NOC).

As vagas de qualificação serão obtidas individualmente, por nome.

De acordo com as diretrizes do COI, os eventos de qualificação foram determinados em ordem hierárquica de qualificação, conforme explicado mais adiante; Se dois surfistas de um gênero tiverem se qualificado pela primeira ordem hierárquica, esse NOC não poderá qualificar mais surfistas desse gênero por meio de eventos de qualificação mais baixos em ordem hierárquica.

Todos os surfistas selecionados por suas respectivas Federações Nacionais para suas equipes nacionais devem participar dos Jogos Mundiais de Surf da ISA em 2019 e / ou 2020, a fim de serem elegíveis para a qualificação olímpica. Os detalhes finais dos requisitos de elegibilidade ainda estão sendo analisados ​​pelo ISA e pelo COI.

A ordem hierárquica de qualificação será a seguinte:

2019 World Surf League Championship Tour : Primeiros 10 homens elegíveis e primeiras 8 mulheres elegíveis.

Jogos ISA World Surfing 2020 : Primeiros 4 homens elegíveis e 6 primeiras mulheres elegíveis.

Jogos ISA World Surfing 2019 : 4 homens e 4 mulheres selecionados com base em seu continente. Os melhores surfistas qualificados de cada gênero da África, Ásia, Europa e Oceania.

Jogos Pan-americanos de 2019 : Primeiro homem elegível e primeira mulher elegível nas competições de surf.

Slot do país anfitrião : Um slot de homem e uma mulher será garantido para o país anfitrião do Japão, a menos que já esteja preenchido pelas hierarquias acima. Se os atletas do Japão se qualificarem regularmente, seus slots serão realocados para os surfistas elegíveis com a classificação mais alta dos Jogos Mundiais de Surf de 2020.

Comentários

Galerias | Mais Galerias