#competição #surf 
São Vicente - São Paulo - Brasil por Charles Roberto

Fábio Porto focado para o Vicentino de Surf 2019

Com mais de 140 pódios em sua carreira, seis vitórias só no Circuito Vicentino – na Open – o ex-surfista profissional Fábio Porto, local de São Vicente, começa o ano com mais dois pódios em sua coleção.

Previsão Surfguru de águas rasas para a Praia de Itararé - SP

Fabio conquistou Vitória na Máster, na primeira etapa do Circuito de Surfe de Praia Grande 2019 e o segundo lugar na categoria acima dos 35 anos na primeira etapa do Circuito SurfnaCozinha de Surf Vicentino 2019.

Agora, o atleta quer manter o bom rendimento nesta segunda etapa do evento, apresentado pela Lines SurfShop, homologado pela Federação Paulista de Surf e realizado pela Associação São Vicente de Surf – ASVS. O Circuito SurfnaCozinha de Surf Vicentino 2019 está previsto para ocorrer entre 30 de agosto e 1º de setembro, na Praia do Itararé, Litoral Sul de São Paulo.

“Estou bem focado para esta segunda etapa, mas pretendo me divertir também e apresentar um bom surfe. Os atletas da Máster estão surfando muito e têm bastante experiência. Vou mostrar meu surfe e o resultado será consequência”, relatou o atleta de 40 anos, que foi o campeão da Máster, na última etapa do Vicentino, em 2018, em um mar pesado e com ondas de até 2 metros.

Porto começou a surfar aos 12 anos de idade, se profissionalizou em 2004, e viajou o país correndo os principais circuitos da época, como o SuperTrial, que era a base de acesso ao SuperSurf e o Rip Curl Pro, que ocorreu na Praia do Tombo, em Guarujá. Porém, em 2007, rempeu os ligamentos do joelho e se afastou do surfe, parou de competir.

Aos 35, retorna embalado e competindo na Máster. E, desde então acumula títulos desde 2016, com o primeiro lugar do Circuito Itanhaense de Surf. Em 2017, venceu o evento de Mongaguá. Foi campeão do 2º Festival Mata Atlântica e vice no Queda Bruta, em Peruíbe.

Aos 39, conquista sua primeira vítória no quintal de casa, na última etapa da Máster no Vicentino de Surf 2018, enfrentando um mar garnde. “No ano passado fiquei muito feliz com a vitória, em casa, no meu pico. Resultado que despertou em mim o meu surfe competitivo”, comentou Fábio, que treina em Itaquitanduva e tem em seu arsenal de manobras o snap (batida no crítico), como a principal na artilharia. “O circuito veio com força total com essa nova diretoria. Pessoas que realmente amam o surfe. Pra mim é o melhor circuito da região”, destacou.

Fábio Porto conquistou em toda sua carreira, até o momento, 146 pódios: foram 46 vitórias; 38 segundo lugares; 36 terceiros lugares e 29 quarto lugares entre as categorias Junior, Open, ProAm e Máster.

Inscrições

As inscrições já estão abertas desde o dia 5 de agosto e vão até o dia 24 do mesmo mês.

Para os sócios da Associação São Vicente de Surf (ASVS) o custo é de R$ 95,00 na categoria PRO/AM e, nas demais categorias, R$ 65,00. Para não associados à ASVS, na categoria PRO/AM, o custo é de R$ 110,00 e demais categorias R$ 80,00.

Até o dia 10 agosto as inscrições são prioridades para os associados da ASVS; De 12 a 17 de agosto as inscrições estão abertas para os moradores da cidade de São Vicente.

E, a partir do dia 19 de agosto, até o dia 24 do mesmo mês, as inscrições estarão abertas para os atletas de outros municípios.

As inscrições para a segunda etapa do Circuito SurfnaCozinha de Surf Vicentino 2019 são feitas na Loja Lines Surf Shop, na Rua Padre Anchieta, 326, em São Vicente, Baixada Santista, São Paulo.

Destaques da 1ª etapa

No primeiro confronto do Circuito SurfnaCozinha de Surf Vicentino 2019, ocorrido em maio, o surfista profissional Antony Silva venceu a categoria principal, Pro/AM, com nota máxima. Aos 29 anos, Antony liderou a final da Pro/Am do início ao fim, acertou dois aéreos e apresentou um arsenal de manobras precisas.

Na categoria Longboard o grande campeão foi o surfista do Guarujá, André Mikimba; na categoria Mirim, Renan Rodrigues, de São Vicente; no Stand UP, Leonardo Gimenes, de São Vicente; na categoria Feminina a atleta da Praia Grande, Kemilly Sampaio; na categoria Estreante o surfista da Praia Grande, Thiago Doncev; a Petit ficou com o atleta de Santos, Derek Silva; na Iniciante, o atleta de Santos Robertinho Alves, teve destaque; na Jurnior, Vinicius Parra, de Santos; na categoria Kahuna, Zé Paulo, de São Sebastião; a Master foi vencida pelo atleta vicentino Ricardo Mello.

Os campeões de cada categoria acumularam 1000 pontos e chegam mais tranquilos para a segunda etapa.

Apresentação: Lines Surf Shop. Patrocínio: SurfnaCozinha. Realização: Associação São Vicente de Surf (ASVS). Parceria: Secretaria de Esportes e Prefeitura Municipal de São Vicente. Supervisão: Federação Paulista de Surf – FPS Co-patrocínio: O’Neill, Natural Art, Rubber Sticky, Stone Head, C-Four e Metalnox. Apoios: Criative Session, M.A.G.,Portal do Sol, Surferia, S.A.M. Surfboards, Menehhune Beach Wear, Melin Shape Desing, Rolling Pranchas de Surf, Mota Surfboard, MS Surfboards, Surfins, Rip Tide Surfboards, Classic Longboards, Fu Wax, Terraço Chopp, Cacau Center, Mega Sorte Loterias, Ymage Impressão Digitais, Mendes Odontologia, O Pastelão, BIG Frio, CRS Comunicação.

 

Comentários

Galerias | Mais Galerias