#competição #kitesurf 
Canguaretama - Rio Grande do Norte - Brasil por Alexandre Palitot

1º Kite Master Festival fica na história

Em um final de semana com direito a domingão de Dia dos Pais, Barra do Cunhaú sediou um evento que entrou para a história.

O Kite Master Festival bateu recorde de participantes, contando com 62 atletas de todo país e muitos estrangeiros, espelho fiel dos pódios nas quatro categorias envolvidas.

Com o propósito de confraternizar e convergir para as boas energias emanadas pela família Kite, o festival atingiu seu objetivo, principalmente pelas declarações daqueles que não chegaram ao pódio. No final da premiação, Eduardo Machioli, organizador do Kite Master festival estava esfuziante com o sucesso do evento: “Porque falamos em tanto sucesso, porque nos elogiaram muito, só ouvimos boas palavras, positividade, astral da família KiteMaster Festival!”.

Bruninho na Foil e Bodete na Bidirecional foram destaques da competição

Em domingo inspirado, os dois não deram chances a seus oponentes e venceram as três regatas do dia.

Arthur Veloso, o Bodetinho, filho do premiado Wilson Bodete, largou na frente no sábado vencendo duas das três regatas iniciais da Hidrofoil Profissional, com Bruninho vencendo uma e chegando em segundo nas outras duas. Parecia que o presente dos dias dos pais seria entregue na praia, mas o domingo revelou um Bruninho inspirado!

Logo na primeira regata Bruno Lima empatou o embate, venceu e achou o caminho certo para mais duas vitórias que o levaram ao topo mais alto do pódio, com Marquinhos, atleta Kite Master Escola, que chegou em terceiro em todas as regatas, ocupando o terceiro posto. Entre os amadores, vitória de Anselmo Andrade, com Nayara Lycarião em segundo e Felipe Macedo em terceiro.

Na categoria Biderecional, onde largaram juntas as categorias open, feminino e Masculino e Master 50, Wilson Bodete não deu chances para seus oponentes. No sábado venceu duas regatas e já descartou uma, das seis possíveis. Venceu as três do Domingo e teve que arrumar um lugar na estante para mais um troféu. Em segundo ficou o Francês Rémi Svobada e em terceiro o mais vibrante dos velejadores, Roque Casé, que recebeu com surpresa o resultado.

Entre as mulheres, vitória de Mary Chamylton, superando, em segundo, Felícia da Mota, trazendo em terceiro uma cearense arretada, que mereceu estar no pódio pela garra e superação vivida nos dois dias de competição. Velejou os dois dias com uma grave torção no pé, sofrida durante os treinos da sexta.

A praia estava lotada para assistir os vôos do Big Air e a torcida local fez a diferença, combustível a mais, que levou ao topo do pódio o atleta KiteMaster Escola Emerson frança, que venceu Marquinhos, atleta de São Miguel do Gostoso, por apenas um décimo de segundo. Pra ficar em casa, em terceiro ficou o rider Natalense de apelido Farinha!

Para George Costa, o KiteMaster Festival “teve 100% de aprovação na organização e controle técnico das provas, sabemos que temos que melhorar mais. Para o primeiro foi nota 9,9!”. E finalizou dizendo “Contamos com o apoio de GH Marqueting que nos deu um suporte legal assim como Chicó Moura Personal Adventure que, com sua equipe garantiram o sucesso do evento”.

Nossos parceiros foram: Hello Pipa e Hello Barra, Prefeitura de Canguaretama, Chicó Moura Personal Adventure, GH Marketing Esportivo, Band RN, Ortorio e Gênesis com realização da KiteMaster Escola.

Comentários

Galerias | Mais Galerias