#comunidade #saúde #picos #cultura #canoa 
Caravelas - Bahia - Brasil por Redação Surfguru

Expedição de Canoa Havaiana em Abrolhos

Um grupo de remadores da Bahia a um bom tempo vem aliando, o amor à canoagem Polinésia/Havaiana a uma nova abordagem nos seus roteiros de navegação, as expedições de longas distâncias.

A enfoque alia o esporte ao turismo ecologicamente consciente em áreas protegidas, inóspitas ou não. Envolvendo um planejamento minucioso e uma logística complexa, o grupo realizou um feito no dia 11 de novembro de 2016, ao conquistar a histórica rota náutica Caravelas x Arquipélago de Abrolhos de canoa Havaiana. Estes remadores munidos de seus remos, anseios e coragem, remaram um percurso total de 63 km por cerca de 8hs, enfrentando condições muito duras, com ventos de aproximadamente 30km/h e ondulações de través à bombordo, o que até aportarem em Abrolhos não deu sossego ao capitão, que na menor tentativa de remar por mais de 3 vezes, já era suficiente para o vento girar a canoa e retira-la do rumo azimutado.

Localizado no litoral sul da Bahia, o Parque Nacional Marinho dos Abrolhos abrange cinco ilhas e tem uma área de 91.255 hectares. Criado em 1983, Abrolhos foi à primeira unidade de conservação marinha do Brasil e até hoje permanece como um dos refúgios mais importantes de proteção do ecossistema. Além de abrigar recifes, bancos de corais, e ser ponto de apoio para aves migratórias, assim como um importante berçário das baleias Jubarte.

A tripulação da Canoa 07 TERIVA, em tupi-guarani “ALEGRIA”, foi formada por experientes remadores do Clube de Canoagem Canoa Bahia, que focados e determinados, conseguiram transpor condições adversas de vento e mar.

A equipe mista era composta por nove remadores, cinco mulheres: (uma máster e quatro open) e 4 homens: (três master e um open), que se revezavam de 20 em 20 minutos, seis na canoa remando e três no barco de apoio que acompanhava a expedição, viabilizando a cobertura fotográfica, logística bem como o pernoite ao final da jornada.

A tripulação da expedição: (barco de apoio + canoa), foi composta por 15 pessoas: 9 remadores, 1 apoio, 2 fotógrafos, 1 cozinheira e 2 marinheiros. Entre os remadores tinham diversos profissionais liberais: biólogo/militar R2, arquiteta, empresários/militares R2, médica, enfermeira, fisioterapeuta, publicitário, advogado/militar R2 e bancaria .

Uma experiência única, onde fizeram história, sendo a primeira canoa havaiana a realizar tal feito, remada após remada, hip após hip.

A expedição atravessou o banco dos Abrolhos, principal área de reprodução das baleias corcundas ou baleias cantoras, do atlântico sul ocidental. Os olhares se mantinham atentos, na tentativa de enxergar em algum canto da imensidão azul, algum sinal de baleia, pois estavam no fim da temporada de reprodução desta espécie em águas da Bahia.

Dores, cansaço, câimbras, calos nas mãos... Nada era mais forte e tão gratificante quanto o objetivo conquistado. Era um feito histórico, uma realização pessoal de cada um. As ilhas sempre distantes, mesmo quando pareciam próximas, davam a certeza da chegada... E do barco, palavras de ânimo aos remadores... A sintonia estava perfeita, e depois de algumas horas remando, objetivo conquistado!

O pernoite ocorreu entre as ilhas, a bordo do barco de apoio Moriá onde todos os tripulantes puderam contemplar a super Lua.

No outro dia pela manhã, autorizados pela Marinha do Brasil, os expedicionários desceram em terra para um deslumbrante passeio pelas ilhas do arquipélago, após puderam também praticar o mergulho esportivo com cilindros e snorkiling, contemplando Tartarugas, arraias, budiões, lagostas dentre uma enorme variedade de espécies de peixes e corais... finalizando o dia com muitas risadas e energias positivas em alta!

Uma viagem sem dúvida inesquecível e com uma certeza... Que voltarão!

Equipe de remadores: 

Hamã Oliveira, Aline Mano, Max Interaminense, Fred Almeida, Camila Macêdo, Irah Montenegro, Anderson Almeida, Dani Guedes e Mariana Souza.

Equipe de Apoio:

1º- Fotógrafo/Biólogo: Lucian Interaminense

2º- Fotógrafo: Pedro Interaminense

Apoio de equipe: Walter Filho.

Marinheiros: Bernardo, Nana e Ivo.

Agradecimentos especiais : ParNam dos Abrolhos, Marinha do Brasil, Embarcação Moriá Turismo, CEPENE/ICMBio e Kahuna Water Sports. Uma realização do Canoa Bahia

Por Max Interaminense

Comentários

Galerias | Mais Galerias