#inovação #tubarões #política #previsão 
Sydney - Nova Gales do Sul - Austrália

Boia que Detecta Tubarão Entra em Fase de Testes na Austrália

Lucy McNally - ABC News

O Governo de Nova Gales do Sul está testando um novo sistema de detecção de tubarão na praia de Bondi, em Sydney, que é descrito como uma "tecnologia de reconhecimento facial para a vida marinha".

Chamado de bóia inteligente, o sistema capta qualquer animal de dois metros ou mais dentro de um raio de 300 metros, enviando um sinal para a estação de salva-vidas através de um aplicativo em seus telefones.

O ministro das Indústrias Primárias de Nova Gales do Sul, Niall Blair, disse que isto faz parte de uma estratégia de prevenção de ataques de tubarão de US $ 16 milhões de seu governo. "Temos a vigilância aérea que tem sido expandida. Temos o nosso programa de redes de tubarão entre Newcastle e Wollongong", disse ele. "Temos o nosso sistema de 4G na costa norte, que está detectando tags de tubarões e agora temos a nossa bóia inteligente em Bondi que esperamos que tenha um grande futuro em Nova Gales do Sul."

A bóia inteligente foi projetado pela empresa australiana ocidental Shark Mitigation Systems. Um dos fundadores da empresa, Craig Anderson, disse que a capacidade de inteligência da bóia para detectar tubarões teve uma taxa de sucesso de pelo menos 90 por cento. "Ela usa um sonar multi-feixe, que é uma tecnologia relativamente nova de sonar, juntamente com um software que é muito parecido com a tecnologia de reconhecimento facial para a vida marinha", disse ele. "Qualquer coisa que é maior do que dois metros e se move será detectada.

"A razão pela qual nós estabelecemos dois metros é porque a história de ataques de tubarões em todo o mundo nos diz que qualquer coisa com menos de dois metros é improvável que te mate." O sr. Anderson disse que esse teste é para ver a capacidade do sistema de se comunicar com os salva-vidas.

O Governo da Austrália Ocidental não está experimentando a tecnologia, apesar de ter sido desenvolvido lá, mas o sr. Anderson negou que a sua empresa tenha sido desprezada. "Nós não estávamos numa fase de comercialização, quando eles estabeleceram uma estratégia de gerenciamento dos tubarões", disse ele. "Essa estratégia está chegando a uma fase de revisão, por isso entraremos em contato com eles novamente."

Fonte: ABC News

Comentários

Galerias | Mais Galerias